PUBLICIDADE

Frio extremo e nevascas causam transtornos a 40 milhões de pessoas nos EUA

Temperaturas chegam a -41ºC em algumas regiões, além de rodovias fechadas e famílias tendo que deixar suas residências

16 jan 2024 - 18h06
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
O inverno americano trouxe temperaturas extremamente baixas para os Estados Unidos, que variaram de -17°C a -41°C, com forte vento. Voos foram cancelados, moradores tiveram que sair de suas casas e a energia elétrica foi afetada devido às baixas temperaturas.
Foto: Getty Images

Os Estados Unidos (EUA) está passando por uma grande onda de frio intenso, o que tem causado quedas significativas nas temperaturas em quase todos os Estado. Nevascas e fortes chuvas também foram registradas. 

Em Iowa , no meio-oeste americano, o termômetro chegou a marcar -17°C e a sensação térmica chegou a -42°C com o vento gelado em algumas regiões. No distrito de Oaklahoma, a previsão é de -31°C, e autoridades pedem que os moradores evitem atividades ao ar livre.

O Texas chegou a registrar -12°C ao meio dia de sábado. Com todo esse caos, algumas pessoa tiveram que sair de sua casas, 1,2 mil voos foram cancelados no último fim de semana e regiões ficaram sem energia elétrica. Em razão da neve, diversas rodovias também estão fechadas e intransitáveis. 

Um recorde histórico foi estabelecido no aeroporto de Dillon, em Montana, onde a mínima atingiu -41 ºC. A marca anterior de -40 ºC registrada em fevereiro de 1933. Nos últimos dias, a massa de ar frio está perdendo força, ou seja, a tendência é de um aumento nas temperaturas.

7 a cada 10 brasileiros já foram impactados por evento extremo associado à mudança climática 7 a cada 10 brasileiros já foram impactados por evento extremo associado à mudança climática

A previsão, contudo, não vale para a faixa leste do país. Segundo os meteorologistas, a região deve passar por pelo menos mais de dez dias de temperaturas próximas a zero grau.

O Alasca ainda está com o recorde de frio mais intenso em uma área não contínua do território.Em 23 de janeiro de 1971, os termômetros marcaram -62 ºC em Prospect Creek, na porção central do Estado. Por outro lado, na área contínua nos Estados Unidos foi de -57 ºC, em Rogers Pass, Montana, em 20 de janeiro de 1954. No inverno americano, o único estado ainda que não registrou temperaturas abaixo de zero foi o Havaí.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade