0

Startup MeuDNA lança teste genético com foco em saúde por R$ 1,2 mil

Lançamento marca primeiro produto da empresa, capaz de analisar predisposições a doenças nos pacientes via material genético

30 jun 2020
07h11
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A startup brasileira MeuDNA, especializada em mapeamento genético, lança nesta terça-feira seu primeiro produto com foco em análise médica, o MeuDNA Saúde. O teste produzido pela healthtech é capaz de identificar até nove doenças hereditárias e chega aos pacientes nesta terça-feira, 30, por R$ 1,2 mil.

Segundo o MeuDNA, empresa do Grupo Mendelics, o teste pode identificar, por meio do exame genético, a predisposição a alguns tipos de cânceres, como de ovário, próstata, colorretal, de pele e endométrio, além de triglicerídeos altos, colesterol alto e doença de Wilson, um distúrbio que causa acúmulo de cobre no corpo.

Feito em casa e enviado posteriormente ao laboratório pelo correio, o teste pode ser comprado pelo site da empresa e vem em um kit para a coleta do material humano. Na análise, a empresa demanda uma amostra de saliva, extraída da parte interna da bochecha do paciente e armazenada no próprio recipiente fornecido pelo kit. A espera pelos resultados é de cerca de seis semanas, de acordo com a healthtech e pode ser acessado pela internet.

Durante a análise, uma comparação dos genes do paciente com o banco de dados da empresa é feita via inteligência artificial, para identificar as variações genéticas que o indivíduo possa apresentar. Para isso, o MeuDNA utiliza a tecnologia de Exoma, que faz o sequenciamento dos genes um a um, identificando todos as moléculas de material genético existentes.

"É um investimento que salva vidas, traz qualidade e longevidade e vai revolucionar nossa relação com a saúde. Com o acesso às informações genéticas, o usuário tem a oportunidade de fazer escolhas melhores para sua saúde e também pode incentivar os familiares a conhecerem o próprio risco", explica Cesario Martins, diretor da empresa.

O MeuDNA já possui no mercado outro produto no segmento de testes genéticos, o MeuDNA Origens, voltada para a análise da ancestralidade do paciente, lançado em novembro do ano passado. Nessa versão, cada kit sai por R$ 200 no site da empresa.

Curiosidade por trás do DNA

O interesse pela pesquisa e testes de genoma humano é global e já se desenvolveu bastante fora do Brasil. A 23andme, criada por Anne Wojcicki, esposa de Sergey Brin, fundador e ex presidente do Google já oferecia, em 2014, oportunidade de colocar a prova o material genético e descobrir predisposições a doenças, características genéticas e até a ancestralidade pessoal de cada indivíduo.

Na época, o produto lançado no Reino Unido causou polêmica por não ter sido aprovado nas leis regulatórias dos Estados Unidos, a FDA (sigla em inglês para Administração de Alimentos e Drogas dos EUA). Em 2008, a 23andMe já oferecia a possibilidade de receber uma cópia personalizada do seu próprio DNA, por meio de uma análise de pares de cromossomos via amostra de saliva.

No Brasil, outras empresas também já se arriscaram no lançamento de testes para descobrir o que há por trás do código genético pessoal de cada um. Companhias como Genera e a israelense MyHeritage também oferecem testes genéticos para descobrir sobre as origens ancestrais do paciente. Com preços que variam entre R$ 200 a R$ 1,5 mil, os kits também são entregues diretamente em casa.

Veja também:

Índia bloqueia TikTok e Instagram aproveita situação
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade