PUBLICIDADE

Papa pede aos cristãos "senso de humor" para viverem felizes

Em congresso virtual, pontífice criticou quem leva "tudo a sério" na vida

13 ago 2021 14h34
| atualizado às 14h49
ver comentários
Publicidade

O papa Francisco participou nesta sexta-feira (13) do Congresso Virtual Continental da Vida Religiosa na América Latina e no Caribe e pediu que os cristãos "tenham senso de humor" para viverem felizes.

Papa Francisco em audiência no Vaticano
04/08/2021
REUTERS/Remo Casilli
Papa Francisco em audiência no Vaticano 04/08/2021 REUTERS/Remo Casilli
Foto: Reuters

"Alegria, alegria em suas múltiplas formas. Paz, diversão, senso de humor. Por favor, peçam essa graça. Na exortação sobre a santidade quis praticamente por um capítulo sobre o sentido do humor. É tão triste ver homens e mulheres consagrados que não têm senso de humor, que levam tudo a sério. Por favor. Estar com Jesus é estar alegre, é ter também a capacidade de ver santidade no senso de humor", disse aos participantes.

O debate focou também na questão das culturas da fé e das diversas realidades encontradas nas comunidades.

"Nos fará muito bem descobrir que a unidade não é uniformidade, mas sim uma harmonia plural, e não esqueçamos que quem faz a harmonia é o Espírito Santo. Uma harmonia plural para assumir diferenças, valorizar as particularidades, em um espírito são e de interculturalidade aberta".

Citando que "a fé que não está aculturada" também é "uma fé autêntica", o Pontífice criticou as "ideologias" que geram "posturas agnósticas aberrantes e muito ridículas". "Por exemplo, o mau uso da liturgia. Alguns dizem que o importante é a ideologia e não a realidade dos povos. Isso não é Evangelho.

"Não se esqueçam do binômio: inculturar a fé, evangelizar a cultura", afirmou.
   

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade