1 evento ao vivo

Alckmin passou mal com 'comida de campanha', diz Suplicy

Governador paulista passou mal na tarde da última sexta-feira e seguiu para o Incor, onde foi diagnosticada uma infecção intestinal bacteriana

24 ago 2014
08h23
atualizado às 08h26
  • separator
  • 0
  • comentários

O senador e candidato à reeleição Eduardo Suplicy (PT-SP) disse que provavelmente o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), tenha se intoxicado com algum alimento que comeu durante a campanha. Alckmin está internado no Instituto do Coração do Hospital das Clínicas (Incor) devido a uma infecção intestinal e, por isso, acabou cancelando sua participação no primeiro debate entre os candidatos ao governo de São Paulo, realizado na noite de sábado pela Band.

<p>Alckmin segue internado no Incor, seu quadro de saúde e estável</p>
Alckmin segue internado no Incor, seu quadro de saúde e estável
Foto: Alan Morici / Terra

“Parece que ele comeu algo durante a campanha que não estava muito bom, e por isso teve essa infecção no intestino”, disse Suplicy após o debate. “Durante a campanha a gente sai muito e come tanta coisa, acaba comendo algum alimento que não está tão bem preparado”, continuou.

O senador disse ainda que esteve no Incor na manhã de sábado, onde conversou com o secretário da Saúde David Uip, que é infectologista e está tratando de Alckmin. “Conversei com o médico dele, e pode ter sido até uma pizza do Jockey Club. Espero que o governador possa logo se recuperar e participar do próximo debate em plena condição de saúde”, afirmou Suplicy.

Alckmin passou mal na tarde de sexta-feira, por volta das 12h30, e seguiu para o Incor, onde foi diagnosticada uma infecção intestinal bacteriana. Em nota divulgada na tarde de sábado, a instituição de saúde afirmou que não havia previsão de alta para o governador, mas que seu quadro de saúde era estável.

Guia do eleitor Guia do eleitor

Coligações partidárias: Dilma, Aécio e Eduardo CamposColigações partidárias: Dilma, Aécio e Eduardo Campos

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade