PUBLICIDADE

Ibaneis Rocha é eleito governador do Distrito Federal

Candidato do MDB se reelege com 50,27% dos votos no 1º turno das eleições

2 out 2022 - 20h22
(atualizado às 22h44)
Compartilhar
Exibir comentários
Ibaneis Rocha é eleito governador do Distrito Federal
Ibaneis Rocha é eleito governador do Distrito Federal
Foto: Estadão Conteúdo/Ton Molina

O atual governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), foi reeleito no primeiro turno das eleições deste domingo, 2, com 50,30% dos votos válidos. Com 100% das urnas apuradas, Leandro Grass (PV) foi o segundo colocado, com 26,25%% dos votos válidos, segundo informações do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

Também disputaram a eleição: Izalci (PSDB), Paulo Octávio (PSD), Leila do Vôlei (PDT), Coronel Moreno (PTB), Keka Bagno (PSOL), Renan Arruda (PCO), Lucas Sales (DC), Teodoro da Cruz (PCB) e Robson da Silva (PSTU). 

Foram registrados 1.807.484 votos totais, 91,57% de votos válidos, 3,65% de brancos e 4,76% de nulos.O percentual de abstinência ficou em 17,61%. 

Campanha no Estado

Desde as primeiras pesquisas eleitorais divulgadas neste ano, Ibaneis Rocha (MDB) seguiu com um percentual de intenção de votos muito superior aos demais candidatos. Em pesquisas feitas pelo Instituto Ipec, inicialmente ele registrou 38% (15 de agosto), alcançou 46% (6 de setembro) e, no último levantamento, se destacou com 43% (27 de setembro).

Quem mais se aproximou do emedebista foi Leandro Grass (PV). Nas mesmas pesquisas, Grass começou com 4% das intenções de voto (15 de agosto), em uma crescente tímida foi para 8% (6 de setembro) e, depois, chegou a 16% (27 de setembro).

O Ipec também simulou uma disputa apenas entre Ibaneis e Leandro Grass. Nesse cenário, conforme dados de 27 de setembro, o atual governador ficou com 54% das intenções de voto e Grass com 29%. 

Os dois foram os principais alvos dos debates eleitorais. O debate realizado no último dia 28, pela TV Globo, por exemplo, começou com Ibaneis sendo alfinetado sobre violência contra a mulher e apoio ao presidente Jair Bolsonaro (PL). Outro ponto usado para o ataque foi a contratação de Francisco Araújo, ex-secretário de Saúde preso na operação que investigou superfaturamento na compra de testes de detecção da Covid-19. Ibaneis também foi acusado de “governar só para seus amigos”.

Sobre Ibaneis Rocha

Nascido em Brasília, Ibaneis Rocha Barros Júnior tem 51 anos e é formado em Direito com pós-graduação em direito processual do trabalho e civil. Ao longo de sua carreira na advocacia, foi vice-presidente e presidente da Ordem dos Advogados do Brasil no Distrito Federal (OAB-DF) e secretário-geral da Comissão Nacional de Prerrogativas do Conselho Federal da OAB.

Sua estreia na política foi em 2018, quando se lançou candidato ao governo do Distrito Federal. Em pouco tempo, Ibaneis conquistou os eleitores e foi o mais votado para o cargo no segundo turno. O plano de governo da chapa, formada com a deputada federal Celina Leão (PP) como vice, conta com 21 tópicos principais, entre eles a modernização e eficiência da máquina pública.

Apuração no Distrito Federal

Ibaneis Rocha (MDB):50,30%

Leandro Grass (PV):26,25%

Paulo Octávio (PSD):7,47%

Coronel Moreno (PTB):5,68%

Leila do Vôlei (PDT):4,81%

Izalci (PSDB): 4,26%

Keka Bagno (PSOL): 0,82%

Lucas Sales (DC): 0,25%

Teodoro da Cruz (PCB): 0,07%

Robson da Silva (PSTU): 0,05%

Renan Arruda (PCO):0,02% 

Brancos/nulos:8,41%

Abstenções: 17,61%

Confira a apuração completa do primeiro turno das eleições 2022.  

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade