0

Edmilson Rodrigues é eleito em Belém neste segundo turno

Candidato do PSOL retoma a prefeitura da capital paraense neste segundo turno das eleições

29 nov 2020
17h52
atualizado às 18h09
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Neste segundo turno das eleições, Edmilson Rodrigues (PSOL) desbancou o concorrente Delegado Federal Eguchi (Patriota) e foi eleito prefeito de Belém, capital do Pará. Ele teve 51,76% dos votos, quando as urnas já passavam 98% das apurações. Já o delegado, um dos poucos apoiados publicamente pelo presidente Jair Bolsonaro, ficou com 48% dos votos válidos.

O candidato do Psol já havia sido prefeito da capital entre 1 de janeiro de 1997 a 31 de dezembro de 2004 (2 mandatos consecutivos). Esta é a segunda vez em que uma capital do País é comandada por um prefeito do PSOL – em 2012, Clécio Luis foi eleito pelo partido prefeito de Macapá.

Durante a eleição, os dois postulantes protagonizaram debates quentes na TV e chegaram ao segundo turno tecnicamente empatados. 

Foto: Marx Vasconcelos / Futura Press

No Twitter, Rodrigues comemorou a vitória com uma expressão que ganhou fama após ser amplamente falada e tuitada pelo jogador Neymar. 

Edmilson Rodrigues, candidato da coligação Belém de Novas Ideias (PT / Rede / UP / PCdoB / PSOL / PDT), é deputado federal, tem 63 anos e ensino superior completo. Ele declarou um total de R$182,3 mil em bens.

Delegado Federal Eguchi, candidato do Patriota, é servidor público federal, tem 57 anos e ensino superior completo. Ele declarou um total de R$ 50 mil em bens.

Veja também:

Homem é preso e adolescente apreendido por suspeita de tráfico de drogas
Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade