0

Pesquisa mostra que o Brasil é o penúltimo colocado em simpatia no atendimento a clientes

Na contramão das estatísticas, Sono Quality investe em treinamentos, cursos e bate recorde de 50 mil atendimentos por mês

20 fev 2018
13h03
  • separator
  • 0
  • comentários

Uma pesquisa feita pela empresa sueca Better Business World Wide e divulgada no fim do ano passado, mostra o Brasil no penúltimo lugar na classificação sobre atendimento a clientes iniciados com um sorriso. No País que se apregoa como a terra das pessoas carismáticas, é muito mais comum o consumidor entrar na loja e muitas vezes encontrar o vendedor de cara fechada. Intitulada "Smiling Report", a pesquisa reuniu 1,7 milhão de avaliações de atendimento ao cliente, feitas em 69 países da África, Ásia, Europa, América do Norte e América do Sul.

Foto: DINO

Segundo pesquisa, o vendedor brasileiro é um dos menos simpáticos do mundo. O País ocupa a 15ª posição entre os 16 países do ranking - atrás apenas do Japão. Especialistas, empresários e os vendedores mais simpáticos tentam entender por que, mesmo em um cenário de ano de crise econômica, há quem não se esforce para oferecer um bom atendimento ao cliente.

Pela conclusão da Shopper Experience, empresa parceira da pesquisa sueca no Brasil, é grave o fato de dois em cada dez consumidores entrarem nas lojas brasileiras e serem recebidos sem um gesto de simpatia, tendo em vista que existem em todo o território nacional milhares de pontos de venda de produtos e serviços, onde o contato direto com o público tem papel determinante para a imagem da empresa.

Diferencial

Mas há quem ande pela contramão das estatísticas e atende não só com simpatia, mas com qualidade mais de 50 mil atendimentos por mês, com uma equipe motivada, treinada e sempre com sorriso e empatia ao negociar. Com resultados e conversões de vendas a Sono Quality, investe em treinamento técnico e motivacional em sua equipe mensalmente, premia os melhores do trimestre em Convenções nacionais e prova que é possível aumentar o faturamento, converter vendas e ter uma equipe coesa mesmo em tempos de crise.

Segundo o CEO e um dos fundadores Ricardo Eloi, é imprescindível o treinamento e o investimento em equipamentos e também no principal instrumento de trabalho de sua empresa, os colaboradores. Para Ricardo "O sorriso deve vir naturalmente. Tem de ser uma aptidão do funcionário, aliada à vontade de concretizar a venda. Quando percebo que o colaborador não está em um bom dia, converso e dou apoio", disse.

O trabalho de vendas da empresa é focado em mais de 90% em telemarketing, o que é um fator ainda mais complicado. Segundo Rubens Ressuti, diretor de marketing da empresa o empenho em convencer alguém do outro lado da linha é muito mais difícil do que vender em uma loja. "O contato físico permite mais estudo comportamental do cliente, por isso, treinamos, conversamos, mantemos um ambiente de alegria, para que esta energia contagiante chegue do outro lado da linha com mais foco e assim, conseguimos converter a venda e bater as metas internas." explica.

Mais quais são os atributos para um bom vendedor? Segundo Ricardo Eloi, algumas qualidades são fundamentais e quando encontradas no colaborador, o tornam sem dúvida um grande destaque em sua equipe:

- Altruísmo: colocar-se no lugar do cliente e entender suas necessidades

- Aptidão: ter o dom para as vendas e gostar do trabalho

- Bom humor: o carisma cativa o cliente

- Comprometimento e disposição: empenhar-se ao máximo sobre a venda e os produtos

A pesquisa revelou que os países com mais vendedores simpáticos no mundo, são Irlanda 97%, Grécia e Porto Rico 93%, Lituânia 92%, Suíça e Grã-Bretanha 91%, Letônia e Portugal 90%, Estônia 89%, Dinamarca e Turquia 88%, Alemanha e Estados Unidos 87%, China, Rússia e Espanha 86%, Finlândia 85%, Chipre e Noruega 84%, Argentina, Áustria, Canadá, Chile, Islândia e Suécia 83%, França e Holanda 82%, Colômbia e Hungria 81%, Brasil 79% e Japão 74%.



Website: http://www.sonoquality.com.br

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade