3 eventos ao vivo

85% dos brasileiros não têm acesso à coleta seletiva

Lubrificantes Fenix coleta em postos de serviços OLUC e Resíduos Sólidos em todo o país

24 nov 2016
13h49
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A separação e o descarte correto do lixo são fundamentais para o equilíbrio e preservação do meio ambiente. Através da reciclagem é possível reaproveitar materiais e produtos sem causar prejuízos à natureza e à saúde humana, entretanto, o Brasil ainda precisa melhorar esta realidade. Segundo um novo estudo encomendado pela Cempre (Compromisso Empresarial para Reciclagem), 170 milhões de brasileiros não são atendidos por coleta seletiva em suas cidades.

Segundo a pesquisa, 1.055 municípios têm programas de coleta seletiva. Isso representa apenas 18% do total de 5 mil cidades do Brasil. A situação só piora quando a relação é por cidadão. Apenas 31 milhões de brasileiros - cerca de 15% da população nacional - podem contar com a coleta seletiva do lixo. Ou seja, 85% dos brasileiros não têm como destinar resíduos para a reciclagem.

E não é só o lixo comum que precisa ser descartado corretamente. O óleo lubrificante, usado em maquinários, engrenagens e motores de veículos - além de estopas e frascos contaminados com OLUC (Óleo Lubrificante Usado e Contaminado) também necessitam de coleta específica e tratamento adequado para que a destinação correta poupe o ecossistema da poluição. Empresas especializadas neste tipo de serviços estão à disposição da população, desde a década de 90. "Para as pessoas se conscientizarem cada vez mais da destinação dos resíduos é preciso que o serviço de coleta esteja realmente ao alcance da população e que seja feito de forma eficiente e adequada em todas as esferas públicas", enfatizou o gestor industrial da Lubrificantes Fenix, Rodrigo Domene.

Com ênfase nesta consideração Domene informa que a Lubrificantes Fenix recolhe, mensalmente, 3 milhões de litros de OLUC em postos espalhados em todo o país (quase 9 mil pontos). A coleta é feita por uma frota especializada que conta com 80 veículos providos de um sistema de bombeamento. Os motoristas são treinados e credenciados na ANP (Associação Nacional do Petróleo) que visita e verifica a necessidade do cliente. A empresa executa o serviço em postos, centros de troca de óleo, oficinas mecânicas, transportadoras, indústrias e onde mais houver necessidade.
Na RMC (Região Metropolitana de Campinas), localiza-se o maior número de postos de coleta - cerca de 1.000 pontos - totalizando quase 600 mil litros de OLUC tirado de circulação somente nesta região. Para solicitar o serviço de coleta da Lubrificantes Fenix ligue para 0800 770 20 46.

Você sabia?
O recolhimento do OLUC é feito desde 1993 quando a prática tornou-se obrigatória. Nesta época, apenas 11,46% do óleo consumido no país era encaminhado à reciclagem. Depois da edição da resolução 9 do Conama (Conselho Nacional de Meio Ambiente - 1993) muitas empresas passariam então a se preocupar mais com a reciclagem e, desde então, os índices de óleo recolhido aumentam ano a ano. Os procedimentos de coleta dos resíduos e o rerrefino do Oluc contribuem com a conservação de ecossistemas, rios e mares, pois, através de processos físicos/químicos específicos os metais são retirados do lubrificante. Além de não impactar a natureza, o óleo rerrefinado pode ser utilizado para o mesmo fim e, dependendo de como é empregado, seu desempenho pode ser ainda melhor.

Serviço:
Local: Lubrificantes Fenix / EcoFenix
Endereço: Avenida Paris, 3716 - Cascata Paulínia/SP
Telefone: (19) 3833-5700

Veja também:

PF apreende carro carregado com 25 mil carteiras de cigarros contrabandeados
DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade