PUBLICIDADE

OMS alerta para subnotificação da covid-19 no Brasil

Entidade cita alto índice de resultados positivos em testes para justificar provável subestimação dos números absolutos de casos

22 jun 2020 14h35
| atualizado às 14h51
ver comentários
Publicidade
Praia de Ipanema, no Rio de Janeiro
21/06/2020
REUTERS/Ricardo Moraes
Praia de Ipanema, no Rio de Janeiro 21/06/2020 REUTERS/Ricardo Moraes
Foto: Reuters

A Organização Mundial da Saúde (OMS) mostrou preocupação, nesta segunda-feira, dia 22, com a alta porcentagem de resultados positivos nos testes de covid-19 no Brasil — na casa dos 31%, de acordo com o boletim epidemiológico mais recente. Segundo a entidade, o número elevado indica baixa testagem e uma provável subotificação de casos, já que a taxa média de positivos, em outros países, costuma ser de 17%.

"A taxa de positivos no Brasil é bastante alta. Provavelmente, há uma subestimação do número verdadeiro de casos. A taxa em países com testagem em massa chega até a 5%, e essa tendência não é um resultado de realizar vários testes", esclareceu Michael Ryan, diretor do programa de emergências da OMS.

Estadão
Publicidade
Publicidade