0

SP: 4 suspeitos são detidos por morte de criança de 5 anos em assalto

29 jun 2013
01h05
atualizado às 15h06
  • separator
  • 0
  • comentários

Quatro pessoas foram detidas nesta sexta-feira, no 49º Distrito Policial de São Mateus, na zona leste de São Paulo, por suspeita de participação na morte do garoto boliviano Brayan Yanarico Capcha. Segundo informações do Jornal da Globo e do SPTV, três deles têm menos de 18 anos; um deles está preso e teria confessado a participação no crime e indicado o nome de outros três envolvidos - um dos quais o responsável pelo disparo. Todos têm antecedentes criminais.

O crime ocorreu na madrugada de quinta para sexta-feira quando seis assaltantes entraram em uma residência de famílias bolivianas em São Mateus. Exigindo dinheiro, os moradores entregaram R$ 4,5 mil ao grupo que, insatisfeito, persistiu no assalto. Assustado com a situação, Brayan começou a chorar e foi baleado e morto por um dos invasores. Segundo a polícia civil, os detidos tem histórico de ataques contra as mesmas vítimas e provavelmente obtiveram informação de que naquela noite os bolivianos estariam na posse de dinheiro em espécie.

Protesto
Durante a noite de ontem, cerca de 200 bolivianos realizaram um protesto em frente à delegacia de São Mateus para pedir justiça à criança assassinada. Durante o ato, imagens da televisão mostraram um homem trazido à delegacia por policiais sendo agredido pelos manifestantes; o homem não tem relação com o caso e já foi liberado.

O desejo da família de Brayan é enterrar o corpo do filho assassinado na Bolívia. Segundo a agência EFE, os cônsules da Bolívia no Brasil, Jaime Valdivia e Claudio Luna, tramitarão o retorno do corpo do menor e de seus pais ao país. O casal de bolivianos chegou a São Paulo no início do ano para trabalhar em uma oficina de costura. Os 4,5 mil entregues aos assaltantes eram tudo que havia na casa, informou a família.

Ainda segundo a EFE, o Ministério das Relações Exteriores da Bolívia também ofereceu repatriação a vários parentes do casal por via terrestre, já que eles também haviam manifestado vontade de retornar ao país de origem. A repatriação dos bolivianos deverá ocorrer já na próxima semana.

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade