PUBLICIDADE

Crea-RJ aponta riscos de construção de bairro no Campo da Fé

Terreno está situado em área de mangue e pode ficar sujeito a alagamentos

30 jul 2013 20h45
| atualizado às 20h52
ver comentários
Publicidade
<p>Estrutura montada no Campus Fidei, em Guaratiba, durante a Jornada Mundial da Juventude, não foi suficiente para conter chuva</p>
Estrutura montada no Campus Fidei, em Guaratiba, durante a Jornada Mundial da Juventude, não foi suficiente para conter chuva
Foto: Maurício Tonetto / Terra

A construção de um bairro popular no terreno de Guaratiba, na zona oeste do Rio, onde estava sendo preparado o Campus Fidei (Campo da Fé), que abrigaria eventos da Jornada Mundial da Juventude, pode gerar graves riscos para a população, alertou nesta terça-feira o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado (Crea-RJ). Por causa das chuvas, que deixaram o terreno encharcado, a vigília de sábado e a missa de domingo foram transferidos do local para a praia de Copacabana

Em nota à imprensa, o Crea ressaltou que o terreno, de 1,7 milhão de metros quadrados, que o prefeito do Rio, Eduardo Paes, pretende transformar em bairro, está situado numa área de mangue e, por isso, fica sujeito a alagamentos, se não for devidamente estruturado e preparado para receber edificações. Segundo o conselho, o que ocorreu com o terreno com as chuvas da semana passada foi "apenas uma amostra" do que poderá ocorrer no futuro se não houver planejamento adequado e não for criada uma infraestrutura de engenharia capaz de suportar redes de drenagem, água e esgoto, ruas e construção de casas.

O Crea destaca que é necessário "um projeto estrutural, um projeto executivo" e uma avaliação bem feita dos custos, "para ver se o investimento compensa os riscos futuros". A nota do Conselho de Engenharia lembra episódios recentes, como o dos prédios que foram construídos num terreno frágil em Niterói, na região metropolitana do Rio, que acabaram destruídos antes de serem ocupados pelos moradores, porque não tiveram projetos adequados.

"Construir em áreas de mangue e terrenos argilosos exige altos custos e investimentos. Portanto, há que se levar em consideração a questão custo e benefício", destacou o Crea. Na nota, o conselho diz que está à disposição das autoridades municipais e estaduais e da sociedade, em geral, para dar a contribuição que for necessária ao processo. 

Papa Francisco no Brasil
A Jornada Mundial da Juventude (JMJ) 2013 foi realizada entre os dias 23 e 28 de julho, no Rio de Janeiro. O evento, organizado a cada dois ou três anos, promove um encontro internacional de jovens católicos com o Papa. Esta edição da JMJ reuniu mais de 3 milhões de pessoas, entre elas peregrinos de 175 países. A JMJ 2013 marcou também a primeira visita internacional do papa Francisco desde sua nomeação como líder máximo da Igreja Católica, em 13 de março deste ano. A próxima edição do evento será realizada em 2016, em Cracóvia, na Polônia.

vc e o Papa
Você já conheceu o papa Francisco no Brasil? Esteve na Jornada Mundial da Juventude no Rio ou em Aparecida? Participe do vc repórter e envie seus relatos, fotos ou vídeos com o Papa.

Agência Brasil Agência Brasil
Publicidade
Publicidade