PUBLICIDADE

Quadrilha explode carro-forte em rodovia no interior de SP e rouba R$ 2,4 milhões

Veículo foi atacado por ocupantes de dois veículos no km 137 da Anhanguera, próximo à área urbana de Limeira

12 set 2023 - 12h01
(atualizado às 15h20)
Compartilhar
Exibir comentários
Quadrilha explode carro-forte em rodovia no interior de SP e rouba mais de R$ 2 milhões:

Uma quadrilha armada com fuzis atacou e explodiu um carro-forte, na noite desta segunda-feira, 11, na Rodovia Anhanguera, em Limeira, interior de São Paulo. Dois vigilantes ficaram feridos por estilhaços. Segundo a Polícia Civil, os criminosos roubaram os R$ 2,4 milhões. Foi o terceiro ataque a veículos de transporte de valores na mesma região em quatro meses. Na manhã desta terça-feira, 12, um carro usado pelos assaltantes foi encontrado com explosivos. Ninguém foi preso.

Assaltantes explodem carro-forte na Rodovia Anhanguera, em Limeira (SP)
Assaltantes explodem carro-forte na Rodovia Anhanguera, em Limeira (SP)
Foto: DENNY CESARE/ESTADÃO CONTEÚDO

O carro-forte foi atacado por ocupantes de dois veículos no km 137 da rodovia, próximo à área urbana de Limeira. Os criminosos atiraram com fuzis no para-brisas e obrigaram o motorista a parar. De acordo com o delegado Leonardo Bürger, da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), os tiros perfuraram a blindagem do carro-forte e dois vigilantes foram atingidos por estilhaços. Eles receberam atendimento em unidades de saúde de Limeira e passam bem.

Os criminosos usaram explosivos para abrir o compartimento onde estavam os malotes com dinheiro. A explosão arrancou o teto do carro-forte. Os ladrões fugiram em direção ao bairro do Tatu, na zona rural de Limeira.

Um dos veículos usados por eles, uma Mitsubishi, foi abandonado em um canavial. No interior, a polícia encontrou explosivos e munições de calibre ponto 50. No vidro traseiro, blindado, havia saídas para armas longas.

O ataque, em horário de grande movimento, levou à interdição parcial da rodovia e causou congestionamento de quatro quilômetros, segundo a concessionária. Foi o terceiro ataque nos mesmos moldes executado por quadrilhas nessa região do interior, entre Piracicaba e Limeira, onde ficam baseadas várias empresas de transporte de valores.

"É o padrão de comportamento dessas quadrilhas, roubar os carros-fortes em locais movimentados, seguindo o itinerário feito por eles", disse o delegado.

Em 15 de agosto deste ano, os criminosos explodiram e incendiaram um carro-forte na Rodovia dos Bandeirantes, em Santa Bárbara d'Oeste. Cinco pessoas ficaram feridas. Os ladrões fugiram com R$ 2 milhões.

Já no dia 17 de maio, em outro ataque, os criminosos obrigaram um ônibus a bloquear a rodovia Luiz de Queiroz, também em Santa Bárbara, para obrigar à parada do carro-forte. Dois passageiros ficaram feridos. O dinheiro foi levado.

Conforme o delegado, equipes da Polícia Civil de Piracicaba e Limeira, com apoio da polícia especializada da capital, estão empenhadas em investigar a ação dessas quadrilhas.

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade