PUBLICIDADE

Txai Suruí e mãe, a também ativista Neidinha, recebem prêmio "Melhores do Ano" da TV Globo

"Essa luta não é só nossa, é de todos vocês", afirmou Txai, que foi homenageada por sua atuação no Norte do Brasil

26 dez 2022 - 11h04
(atualizado às 11h04)
Compartilhar
Exibir comentários
Txai Suruí e a mãe Neidinha recebem homenagem do prêmio Melhores do Ano.
Txai Suruí e a mãe Neidinha recebem homenagem do prêmio Melhores do Ano.
Foto: Divulgação Tv Globo / Divulgação Tv Globo

A jovem ativista indígena Txai Suruí foi pêmiada com o trofeu "Melhores do Ano", exibido no "Domingão com Hulk" neste domingo (25). Ao lado de sua mãe, a também ativista Neidinha, que luta há mais de 30 anos pela prezervação da Amazonia, recebeu o troféu da atriz Dira Paes. 

"Essa luta não é só nossa, é de todos vocês", afirmou Txai, única brasileira a discursar na abertura da COP26 (Conferência das Nações Unidas sobre Mudança do Clima) que aconteceu em 2021, em Glasgow. 

No vídeo de introdução das homenageadas, Neidinha conta que nasceu no Acre, enquanto a filha nasceu em Rondônia. A mãe é uma das fundadoras da Kanindé - Associação de Defesa Etnoambiental, criada em 1992.  O objetivo da organização é defender direitos humanos e o meio ambiente através de iniciativas que fortaleçam a identidade, a cultura, a economia, a educação e a saúde dos povos indígenas de diversas regiões do Brasil.a. 

Txai atua como coordenadora da Kanindé, e reforçou que sua luta é um trabalho de continuidade de seus pais e avós. "Eu queria dedicar essa homenagem ao meu povo e a todos os povos indígenas desse país que há mais de 500 anos estão lutando por nossos territórios, para que a gente viva", afirmou a jovem em seu discurso. Ela lembrou ainda as lideranças indígenas assassinadas por suas lutas. 

Fonte: Redação Nós
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade