PUBLICIDADE

Maignan critica Udinese e 'sistema' após racismo: 'Cúmplices'

Goleiro do Milan foi alvo de discriminação na Série A italiana

21 jan 2024 - 09h24
(atualizado em 22/1/2024 às 11h40)
Compartilhar
Exibir comentários
Maignan critica Udinese e 'sistema' após racismo: 'Cúmplices'
Maignan critica Udinese e 'sistema' após racismo: 'Cúmplices'
Foto: Reprodução/Instagram/@magicmikemaignan

O goleiro Mike Maignan, do Milan, acusou a Udinese e o sistema do futebol italiano como um todo de serem "cúmplices" dos atos de racismo praticados contra ele em uma partida entre os dois clubes no último sábado (20), em Údine.

Na ocasião, torcedores da Udinese fizeram imitações de macaco para o arqueiro rossonero, forçando a interrupção do jogo por cinco minutos.

"É todo um sistema que deve assumir a responsabilidade", escreveu o goleiro francês em seu perfil no Instagram.

"Os autores desses atos, porque é fácil agir em grupo no anonimato de uma arquibancada; os espectadores que viram tudo, ouviram tudo, mas decidiram se calar, são cúmplices; a Udinese, que só falava em interrupção da partida, como se nada tivesse acontecido, é cúmplice; as autoridades e o promotor, com tudo o que está acontecendo, também serão cúmplices se não fizerem nada", acrescentou.

Por outro lado, Maignan agradeceu pelo apoio do Milan, dos colegas de clube, dos jogadores da Udinese e de "todos que enviaram mensagens". "É uma luta difícil e que vai exigir tempo e coragem, mas é uma luta que nós vamos vencer", escreveu.

Ansa - Brasil   
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade