PUBLICIDADE

9 itens sobre o Honda City Hatchback EXL, versão intermediária

Ele custa R$ 8.900 a menos do que a versão topo de linha (Touring) e talvez seja mais vantajoso para você. Confira em 9 pontos essenciais e

20 jun 2024 - 20h22
Compartilhar
Exibir comentários
Honda City Hatchback EXL
Honda City Hatchback EXL
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro

Rodamos uma semana na cidade e na estrada com o Honda City Hatchback EXL, que custa R$ 129.100 e pode ser tão interessante como o City Hatckback Touring, que chega a R$ 138.000. Vale lembrar que todas as quatro versões do City Hatchback usam o mesmo motor, que emite 95 g/km de CO2 na rodagem.

Condução – O Honda City Hatchback é bastante agradável de dirigir. Muito prático na cidade e confortável na estrada. Há um item preocupante para o uso urbano: ele bate a frente no chão em muitas ocasiões, caso as ruas tenham valetas ou elevações. O carro nem é muito baixo (144 mm), mas o balanço dianteiro é grande (distância entre o centro da roda e o início da carroceria).

Honda City Hatchback EXL
Honda City Hatchback EXL
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro

Potência – O Honda City Hatchback vem equipado com um motor 1.5 aspirado flex de 126 cv de potência e 155 Nm de torque com câmbio CVT de 7 marchas. A potência não é baixa, mas só está disponível a 6.200 rpm, ou seja, com o motor berrando e consumindo mais.

Desempenho – O Honda City Hatchback não tem pretensões esportivas, por isso o seu desempenho agrada. Ele está acima do valor clássico de 10 segundos na aceleração de 0 a 100 (faz em 10,6 segundos), mas tem desenvoltura quando atinge uma certa velocidade.  

Honda City Hatchback EXL
Honda City Hatchback EXL
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro

Consumo – Este é um ponto positivo do Honda City Hatchback. Com gasolina, ele chega a fazer 13,3 km/l na cidade e 14,8 km/l na estrada. Nota A na categoria pelo PBEV. Com etanol, faz 9,1 na cidade e 10,5 na estrada. O consumo na cidade seria ainda melhor se o torque máximo surgisse bem antes dos 4.600 giros. É o preço que paga por não ser turbo.

Conforto – A versão EXL é a primeira que tem bancos de couro. A vida a bordo é boa pelo bom espaço interno, pelo acabamento de qualidade, pela ergonomia e pela qualidade do sistema de som e do ar-condicionado (uma zona com saídas para o banco traseiro). Os pneus 185/55 R16 estão no ponto central entre conforto e estabilidade. 

Honda City Hatchback EXL
Honda City Hatchback EXL
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro

Multimídia – Excelente. Além de ter painel digital de 7” na versão EXL, o Honda City Hatchback tem multimídia de 8” em todas as versões. O cabo para conectar Android Auto ou Apple CarPlay é necessário só na primeira vez. A visualização dos instrumentos e da multimídia é muito boa.

Segurança – O Honda City Hatchback tem 6 airbags, controle de estabilidade/tração e assistente de partida em rampa em todas as versões. A versão EXL tem câmera de ré e sensor de estacionamento traseiro. Em relação à Touring, a versão EXL perde sensor dianteiro, alerta de ponto cego, alerta de mudança de faixa, assistentes de permanência e centralização em faixa, alerta de colisão frontal, frenagem automática de emergência e piloto automático adaptativo.

Honda City Hatchback EXL
Honda City Hatchback EXL
Foto: Sergio Quintanilha / Guia do Carro

Porta-malas – O porta-malas tem apenas 268 litros de capacidade porque a Honda privilegiou o espaço interno e a versatilidade da configuração dos bancos. O Toyota Yaris Hatch, por exemplo, da mesma categoria, tem 310 litros de capacidade. Mas, se houver muita necessidade de bagagem, pense num City Sedan, que comporta 519 litros.

9. Preço – O Honda City Hatchback não é barato. Para dar uma ideia, a versão básica LX já custa R$ 113.600 e a intermediária de entrada sai por R$ 120.100, enquanto o Toyota Yaris Hatchback básico custa R$ 97.990 e o topo de linha custa R$ 123.650. Bem, o Honda City Hatchback custa bem mais, R$ 129.100, mas é muito superior. O City Hatchback Touring é completíssimo, porém chega a salgados R$ 138.000.

City Hatchback: conheça o carro que matou o Honda Fit:

Guia do Carro
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade