0

Torcedores do Vasco fazem protesto e pedem a saída de Campello

Grupo foi até São Januário para criticar o momento vivido pela equipe e hostilizou, além do presidente, PC Gusmão e Yago Pikachu

6 mai 2019
17h17
atualizado às 17h17
  • separator
  • 0
  • comentários

Cerca de 100 torcedores do Vasco foram até São Januário na tarde desta segunda-feira para protestar contra o momento do time e, principalmente, o presidente Alexandre Campello. A equipe está na lanterna do Campeonato Brasileiro com apenas um ponto, conquistado contra o Corinthians, no último sábado, na Arena da Amazônia.

Torcida protestou em São Januário (Foto: Reprodução/Twitter)
Torcida protestou em São Januário (Foto: Reprodução/Twitter)
Foto: Lance!

Campello foi o principal alvo dos manifestantes, mas a insatisfação era por diversos assuntos. Além da diretoria, Yago Pikachu também foi criticado depois de agredir um torcedor na chegada da equipe a Manaus. O coordenador técnico PC Gusmão e o presidente do Conselho Deliberativo, Roberto Monteiro, também foram lembrados.

O grupo também pediu eleições diretas à presidência - atualmente o modelo é indireto -, criticou os números mostrados pelo balanço do clube e pediu mais jogadores para o elenco. Apesar do tom de cobrança, não foi registrado nenhum momento de violência. O clube reforçou a segurança por conta do protesto.

Os muros de São Januário já haviam sido pichados na noite de sábado. As frases escritas foram "Time de pipoqueiros" e "Fora Faria". O diretor de futebol Alexandre Faria foi demitido do cargo no último domingo.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade