6 eventos ao vivo

Copa América

Dunga mantém “base gringa” e fica próximo de recorde

Mowa Press / Divulgação
5 mai 2015
13h03
atualizado às 15h34
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A Seleção Brasileira que disputará a Copa América  foi convocado nesta terça-feira por Dunga e tem apenas quatro jogadores que atuam no Brasil (Jefferson, Marcelo Grohe, Elias e Robinho). Não chega a ser um recorde, já que em 2007 apenas três estavam no País. Mas o que chama atenção é que nos dois casos a convocação foi feita por Dunga. Antes dele ou mesmo com Mano Menezes, a quantidade de "gringos", ou seja, atletas que atuam no exterior, era menor.

Em 2007, Dunga convocou apenas três jogadores que atuavam no Brasil: Josué (volante que estava no São Paulo e agora joga no Atlético-MG), Kléber (lateral esquerdo que estava no Santos e já se aposentou) e Alex Silva (zagueiro que estava no São Paulo e atualmente atua pelo Brasiliense).

Jefferson é o principal destaque do Brasil entre os jogadores que atuam no Brasil
Jefferson é o principal destaque do Brasil entre os jogadores que atuam no Brasil
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra

Quatro anos depois, Mano Menezes foi o técnico do Brasil na Copa América e chamou o dobro de jogadores que atuavam no Brasil: Victor (ex-Grêmio, agora Atlético-MG), Elano (Santos), Paulo Henrique Ganso (ex-Santos, agora são Paulo), Lucas (ex-São Paulo, agora no PSG), Neymar (ex-Santos, agora no Barcelona) e Fred (Fluminense).

Antes de 2007, o mercado brasileiro ainda conseguia segurar boa parte dos seus melhores jogadores no Brasil. Além disso, a Copa América não era tão importante, então os técnicos usavam a competição como teste para atletas que atuavam no Brasil e nem sempre eram chamados nos principais jogos. Sendo assim, a quantidade de atletas em times brasileiros era bem maior. Praticamente metade do elenco era formado por eles.

Fica também a saudade do tempo em que a maioria dos astros brasileiros formava a Seleção Brasileira. Em 1993, por exemplo, apenas um jogava no exterior, o goleiro Taffarel, do Parma-ITA. O time tinha a base formado por atletas de Palmeiras e São Paulo, com seis jogadores cada. Em 1991, a Copa América teve apenas cinco "gringos". Além de Taffarel, Mazinho (Lecce-ITA), Branco (Genoa-ITA), Renato Gaúcho (Roma-ITA) e João Paulo (Bari-ITA).

Veja tabela com o número de jogadores de times brasileiros presentes na Copa América:

Edição Quantidade
Copa América de 2015 4
Copa América de 2011 6
Copa América de 2007 3
Copa América de 2004 11
Copa América de 2001 13
Copa América de 1999 12
Copa América de 1997 9
Copa América de 1995 13
Copa América de 1993 21
Copa América de 1991 17

 

 

Veja também:

Veja as principais revelações que saíram do CT do São Paulo
Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade