3 eventos ao vivo

Rodriguinho marca, Bahia suporta pressão do Coritiba e vence na estreia do Brasileiro

12 ago 2020
22h42
atualizado às 22h42
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Bahia venceu em sua estreia no Campeonato Brasileiro. O Tricolor de Aço derrotou o Coritiba por 1 a 0, nesta quarta-feira no Pituaçu, pela 2ª rodada do torneio nacional.

Por conta da final do Campeonato Baiano, o time de Salvador não tinha jogado no fim de semana. Já o Coritiba chegou ao seu segundo revés na competição, após derrota em casa para o Internacional na estreia.

O único gol da partida foi anotado por Rodriguinho, cobrando pênalti de cavadinha na primeira etapa. No segundo tempo, os visitantes pressionaram, criaram chances, mas não conseguiram empatar.

No próximo domingo, o Tricolor de Aço recebe o Red Bull Bragantino às 16h (Brasília), pela 3ª rodada. No sábado, o Coritiba enfrenta o Flamengo, às 19h30, no Couto Pereira.

Primeiro tempo melhor para Bahia

O primeiro tempo do Bahia no Campeonato Brasileiro foi positivo. Jogando sem uma referência fixa no ataque, o Tricolor foi mais perigoso, com tentativas de Flávio as 14 minutos e Rossi, aos 28.

Aos 37, Flávio iniciou contra-ataque lançando Élber em profundidade, o atacante se desvincilhou da marcação e adiantou para Rodriguinho invadir a área. O meia cortou o marcador e foi derrubado. Pênalti. Na cobrança, o camisa 10 bateu de cavadinha e anotou belo gol para abrir o placar.

No último lance da etapa inicial, falta na entrada da área para o Bahia. Rodriguinho foi para a cobrança e a bola passou rente ao ângulo esquerdo.

Segundo tempo de pressão

No segundo tempo, o Coritiba, que já tinha ficado mais tempo com a bola na primeira etapa, seguiu com mais posse e conseguiu criar chances reais de gol.

Aos 11 minutos, cobrança de escanteio pela esquerda e Sabino cabeceou com perigo rente à trave baiana. Cinco minutos depois, Sassá recebeu de costas na área, girou e bateu no canto rasteiro para boa defesa de Douglas.

O Bahia teve dificuldades para reter a bola e foi sendo pressionado pelos paranaenses. Aos 29, Willian Matheus subiu livre após novo escanteio, mas a bola passou por cima do gol após cabeçada firme.

O Coxa foi crescendo e rondando cada vez mais a área dos mandantes, mas deixando espaços. Aos 38, Zeca fez belo passe longo e deixou Saldanha na cara do gol. O jovem atacante bateu muito mal e desperdiçou chance de ampliar.

Já nos acréscimos, o Coritiba teve chance de ouro para empatar, mas desperdiçou. Nathan dominou dentro da área e rolou para Robson bater. O atacante finalizou firme, mas para boa defesa de Douglas.

FICHA TÉCNICA

BAHIA 1X0 CORITIBA

Local: Estádio de Pituaçu, Salvador, BA

Data: 12 de agosto de 2020, quarta-feira

Horário: 20h30 (de Brasília)

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP)

Assistentes: Daniel Luis Marques (SP) e Evandro de Melo Lima (SP)

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral

Cartões Amarelos: Rodolfo Filemon, Matheus Galdezani, Sassá, Nathan Silva e Yan Sasse (Coritiba)

GOLS:

BAHIA: Rodriguinho, aos 38 minutos do 1º tempo

BAHIA: Douglas; Nino Paraíba, Ernando, Juninho e Juninho Capixaba (Zeca); Ronaldo, Flávio, Daniel (Marco Antônio) e Rodriguinho (Alesson); Élber e Rossi (Saldanha).

Técnico: Roger Machado

CORITIBA: Wilson; Natanael (Jonathan), Rodolfo Filemon, Sabino e William Matheus; Nathan Silva (Renê Jr.), Matheus Galdezani (Luiz Henrique), Ruy (Yan Sasse); Igor Jesus, Robson e Sassá (Nathan)

Técnico: Eduardo Barroca

Veja também:

Resumão do Mercado - #2
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade