0

Conheça os pontos fortes e fracos do Goiás, próximo adversário do Santos

31 jul 2019
08h15
atualizado às 08h15
  • separator
  • 0
  • comentários

O Santos terá o primeiro desafio como novo líder do Campeonato Brasileiro no domingo de manhã na Vila Belmiro. O adversário será o Goiás, nono colocado da competição, com 17 pontos em 11 apresentações - a equipe tem um jogo adiado contra o Corinthians. Se na classificação o Esmeraldino não empolga, dentro de campo conta com algumas virtudes que demandam atenção do Peixe.

Apesar de ter marcado apenas 12 gols no Campeonato Brasileiro, o Goiás tem a sua força ofensiva quando fica próximo da meta adversária. Segundo a Footstats, dez gols na competição foram marcados dentro da área, ou seja, 83,3% dos tentos anotados.

Oito dos 12 gols do Goiás estão concentrados em dois atletas. O atacante Kayke, a propósito um ex-integrante do elenco santista, é o principal destaque, marcando cinco vezes, sendo quatro deles dentro da área. O meia-atacante uruguaio Leandro Barcia fez outros três, todos dentro da área. Jefferson Junio, Marlone, Michael e Rafael Vaz também balançaram as redes pelo clube do Centro-Oeste no Brasileirão.

Kayke, aliás, tem centralizado as jogadas ofensivas do Goiás. Nas finalizações, o atacante acumula 26 tentativas, com nove na direção das metas adversárias. Além dos gols, também atua como garçom. Ele já deu duas assistências para gols e dez passes para finalizações dos companheiros.

No cruzamentos, uma curiosidade. A equipe tem uma média de quase 22 cruzamentos por partida, sendo que 13,3 saem do lado direito e apenas 8,4 da esquerda.

Desde a volta da Copa América, o Goiás passa por um momento turbulento. Nos últimos dois jogos, o Esmeraldino acertou apenas seis de 27 finalizações e, por isso, acumula dois empates seguidos sem gols, contra Avaí e Atlético-MG. No jogo anterior, ainda sofreu uma goleada terrível de 6 a 1 para o Flamengo, no Maracanã.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade