PUBLICIDADE
Logo do

Flamengo

Favoritar Time

Pressionado, Flamengo enfrenta Altos para evitar zebra na Copa do Brasil

Em crise com Paulo Sousa no Brasileirão, time rubro-negro recebe equipe piauiense, em Volta Redonda, de olho em vaga nas oitavas

11 mai 2022 09h34
| atualizado às 09h34
ver comentários
Publicidade

Ainda sem engrenar no Brasileirão e com o técnico Paulo Sousa pressionado, após declarações de Jorge Jesus sobre voltar ao Brasil, o Flamengo tenta confirmar o favoritismo para avançar na Copa do Brasil no confronto diante do Altos, marcado para esta quarta-feira, às 19h30, no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.

O Flamengo foi obrigado a abrir mão do Maracanã, pois o estádio passará por manutenção no gramado. No entanto, o time carioca ainda não perdeu no Raulino de Oliveira na temporada. Foram três vitórias e um empate.

Em Teresina, o Flamengo não teve uma grande exibição, mas derrotou o Altos por 2 a 1. Com isso, jogará pelo empate no Rio de Janeiro. Em caso de derrota pelo placar mínimo, o duelo será decidido nos pênaltis.

O Flamengo está com uma lista longa de jogadores no departamento médico. O mais novo lesionado é o lateral Filipe Luís, com uma lesão de grau 2 do músculo solar da panturrilha esquerda. Além dele, não jogam nesta quarta-feira: o goleiro Santos, os zagueiro Fabrício Bruno e Gustavo Henrique, e os atacantes Vitinho e Matheus França.

Por outro lado, o lateral Matheuzinho e o atacante Pedro treinaram normalmente e estão à disposição do técnico Paulo Sousa. A expectativa é que o treinador preserve os jogadores mais desgastados da partida, priorizando o Campeonato Brasileiro e a Copa Libertadores da América.

"A cobrança é grande, temos que melhorar e levantar a cabeça para no próximo jogo já vencer. O Flamengo é isso, é cobrança e está acima de tudo. Só com vitória para melhorarmos", disse Éverton Ribeiro.

Do lado do Altos, o técnico Francisco Diá perdeu três jogadores: o goleiro Andrey, o zagueiro Del'Amore e o volante Netinho, o trio está entregue ao departamento médico. O treinador, no entanto, terá à disposição todos os atletas que estiveram na derrota para o Botafogo-PB, por 2 a 1, na última rodada da Série C.

"Estamos motivando os jogadores para que façam um grande jogo. Temos que pensar em positivo, pois a vitória é, sim, possível. Fizemos um grande jogo em casa e agora vamos enfrentar no Rio de Janeiro uma das melhores equipes da América do Sul. Vamos jogar pensando na vitória", revelou Francisco Diá.

Estadão
Publicidade
Publicidade