PUBLICIDADE
Logo do Flamengo

Flamengo

Favoritar Time

'Traços falcêmicos': entenda por que Allan desfalca o Flamengo na altitude pela Libertadores

Volante rubro-negro é um dos diversos desfalques da equipe na terceira rodada

23 abr 2024 - 16h24
Compartilhar
Exibir comentários

O volante Allan, do Flamengo, está fora da partida contra o Bolívar, da Bolívia, pela terceira rodada da fase de grupos da Libertadores. O clube informou no início da tarde desta terça-feira (23), que o jogador tem "traços falcêmicos que podem prejudicar a alta performance em altitude". Mas o que é este termo que tirou o atleta do jogo? Entenda abaixo.

Foto: Lance!

O Lance! entrou em contato com o médico Michael Simoni, ex-Fluminense e Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que explicou de maneira que o torcedor pudesse entender. Segundo o especialista, Allan não tem a mesma capacidade respiratória e de carregar esse oxigênio para o corpo, o que poderia colocar o volante em risco.

- A decisão foi muito inteligente por parte do Departamento Médico e Fisiologia em preservar a integridade do jogador e não correr riscos. Ele (Allan) seria um atleta com dificuldade de carregar o oxigênio e, se você vai jogar em 4000 (metros de altitude) há uma tendência para a falta de oxigenação. Um cara não tem a mesma capacidade respiratória e de carregar esse oxigênio para o corpo. Poderia colocar o atelta em risco e foi muito prudente e inteligente por parte do Flamengo.

Além de Allan, o Flamengo também não vai contar com outros sete jogadores para a partida contra o Bolívar. São eles: Pedro, Arrascaeta, Everton Cebolinha, Léo Pereira, Erick Pulgar, Ayrton Lucas e Varela.

O Flamengo vai encarar o Bolívar a quase 4 mil metros de altitude. A bola vai rolar para este jogo da terceira rodada da fase de grupos nesta quarta-feira (24), às 21h30, no Estádio Hernando Siles.

Lance!
Compartilhar
Publicidade
Publicidade