5 eventos ao vivo

Vettel responsabiliza Ferrari por pífio GP dos 70 Anos: "A culpa é de vocês"

Sebastian Vettel, usualmente, é dos mais educados do mundo a Fórmula 1. Mas, neste domingo, a Ferrari não escapou das broncas do alemão

9 ago 2020
13h18
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Alemão enfrentou problemas em seu SF1000 nos minutos finais do TL2 e causou bandeira vermelha
Alemão enfrentou problemas em seu SF1000 nos minutos finais do TL2 e causou bandeira vermelha
Foto: Ferrari / Grande Prêmio

Se Charles Leclerc terminou em quarto o GP dos 70 Anos deste domingo (9) e celebrou como uma vitória, Sebastian Vettel não chegou nem perto de tirar algo positivo do final de semana em Silverstone.

Ele terminou a prova apenas em 12°, sofreu com rodada, com estratégia… Nada fácil. Desta forma, restou apenas lamentar - e até procurar os responsáveis pela má fase pessoal, do carro e da Ferrari.

No caso, o alvo foi esta última. Ainda durante a prova, foi incisivo no rádio: "Falamos sobre isso pela manhã. Vou segurar as pontas aqui, mas vocês sabem que a culpa é de vocês", disse, em referência a estratégia utilizada.

Sebastian Vettel em Silverstone
Sebastian Vettel em Silverstone
Foto: AFP / Grande Prêmio

"Ainda que não tivéssemos a mesma (que Leclerc), alguém deveria ter tido coragem de deixar que eu lutasse com Charles na pista. Preferiram me mandar ao boxes para tirar os pneus médio do meu carro", reclamou.

"Quer dizer, falamos nesta manhã que não havia sentido em ir aos boxes sabendo que voltaríamos em meio ao tráfego, e foi exatamente o que fizeram. Depois fomos de pneus duros, e só por 10 voltas, talvez nem isso. Não fez o menor sentido", continuou Vettel.

As reclamações não pararam por aí: "Por que vocÊ iria colocar os duros e depois os médios por 20 voltas? Eu estava ficando sem pneus no final. Falamos exatamente sobre isso. Quer dizer, não foi o melhor trabalho que poderia ter sido feito hoje."

Sebastian Vettel
Sebastian Vettel
Foto: AFP / Grande Prêmio

A comparação de carros com o de Leclerc também foi tema para Vettel no pós-corrida. O mistério para o dele ser pior, porém, segue: "Eu não sei o que é. Estou perdendo algo. Não tenho certeza do que é mas eu sei que quando saio da cama faço o melhor que posso para ir além do que fomos hoje", concluiu o alemão.

No momento, Vettel é apenas o 13° no Mundial, com só 10 pontos. Leclerc, por sua vez, aparece em quarto, com 45.

A Fórmula 1 volta já na semana que vem, mas enfim deixa Silverstone: o próximo palco é Barcelona, com o GP da Espanha.

Grande Prêmio
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade