PUBLICIDADE

Oficial: Interlagos fica com a F1 até 2030

Extensão do acordo de São Paulo com a F1 até 2030 é confirmada nesta sexta (03). Prefeito diz que Interlagos deve receber investimentos

3 nov 2023 - 10h41
Compartilhar
Exibir comentários
Ricardo Nunes (Prefeito SP), Stefano Domenicali (F1) e Alan Adler (CEO GP São Paulo) anunciam renovação até 2030
Ricardo Nunes (Prefeito SP), Stefano Domenicali (F1) e Alan Adler (CEO GP São Paulo) anunciam renovação até 2030
Foto: Luis Gustavo Ramiro / Parabólica

Desta vez, não teve novela. Nesta sexta (03), F1 e a Prefeitura de São Paulo anunciaram a extensão do acordo firmado e agora Interlagos receberá a categoria até 2030.

O presente acordo ia até 2025 e a permanencia da prova sempre é questionada por conta das reclamações dos times sobre as condições do circuito e pelo aumento de cidades interessadas em receber a F1. Entretanto, a Prefeitura vem fazendo uma série de melhorias e houve uma troca na organização da prova, o que motivou uma reaproximação entre a categoria e a cidade.

Segundo o Prefeito Ricardo Nunes, cerca de R$ 140 milhões foram gastos em melhorias no circuito, o que melhorou bastante as condições para os times, já que boa parte da estrutura foi deslocada para o centro do terreno. Agora, estima-se que mais R$ 210 milhões sejam investidos para aumentar a capacidade das arquibancadas (duplicação do setor A e construção definitiva do setor R), bem como um novo recapeamento e melhorar o acesso à pista tanto internamente como para o público.

Largada da Sprint Race de 2022. Agora Interlagos fica até 2030
Largada da Sprint Race de 2022. Agora Interlagos fica até 2030
Foto: Pirelli

Stefano Domenicali, o CEO da F1, falou que a renovação até 2030 é algo importante para a categoria, já que o Brasil tem uma grande herança em automobilismo e o público é extremamente apaixonado, além de Interlagos ser uma das pistas favoritas dos pilotos.

De acordo com Alan Adler, CEO do GP de São Paulo, este acordo é uma extensão do que já havia sido firmado antes e, por isso, não houve mudanças nas condições estabelecidas. Estima-se que a Prefeitura e seus parceiros desembolsem cerca de US$ 15 milhões anuais para garantir a prova em Interlagos.

Agora, é aguardar os investimentos que serão feitos e aproveitar que teremos a F1 entre nós até 2030. E o automobilismo nacional segue tendo sua catedral no mais alto nivel.

Parabólica
Compartilhar
Publicidade
Publicidade