PUBLICIDADE

Alpine já admite foco total em 2022, mas quer brilho na Hungria "antes de relaxar"

Para Marcin Budkowski, diretor-executivo da Alpine, o foco da equipe já está em 2022, mas espera por outro bom fim de semana de Fernando Alonso e Esteban Ocon na Hungria

27 jul 2021 14h20
ver comentários
Publicidade
Fernando Alonso foi o sétimo colocado do GP da Inglaterra
Fernando Alonso foi o sétimo colocado do GP da Inglaterra
Foto: Alpine / Grande Prêmio

Muitas equipes já estão com o foco em 2022. A Ferrari, por exemplo, já disse que deixar de ser a terceira força em 2021 não importa muito se isso significar lutar pela primeira posição no ano que vem. No caso da Alpine, o diretor-executivo Marcin Budkowski revelou que, embora mais algumas atualizações ainda estejam faltando, os olhos estão voltados para 2022.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

"O foco agora mudou totalmente para 2022, o que significa que há menos atualizações chegando aos carros, mas a segunda metade do calendário é uma programação cansativa e todos na equipe estão ansiosos pelo intervalo de duas semanas para recarregar os ânimos", disse Budkowski.

"Antes que possamos relaxar, queremos outra atuação forte e um resultado com os dois pilotos na zona de pontuação na Hungria", acrescentou.

Fernando Alonso saiu muito contente do GP da Inglaterra, onde foi sétimo colocado
Fernando Alonso saiu muito contente do GP da Inglaterra, onde foi sétimo colocado
Foto: Alpine / Grande Prêmio

A Inglaterra foi apenas a terceira vez da Alpine com Fernando Alonso e Esteban Ocon na zona de pontos ao mesmo tempo, e a primeiro desde o GP de Portugal. Isso os colocou a oito pontos da Aston Martin e a nove da AlphaTauri, em quinto lugar.

Vale lembrar que o asturiano, inclusive, já pontuou por cinco corridas consecutivas, enquanto Esteban Ocon voltou aos pontos depois de quatro não pontuações consecutivas.

"Acho que Fernando agora silenciou para sempre quem duvidava que seu retorno seria um sucesso", exaltou Budkowski. "Sua velocidade ainda está lá, e sua capacidade de corrida é inigualável, como vimos mais uma vez nas duas corridas no sábado e domingo", apontou.

"Ele vai, sem dúvida, continuar se esforçando no decorrer da temporada. Depois de dois fins de semana difíceis, foi muito bom ver Esteban em boa forma, o que o fez regressar aos pontos. Ele agora pode aproveitar seu bom desempenho e recuperar sua excelente forma do início da temporada", concluiu.

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade