PUBLICIDADE

Rede AmPm mira expansão e fecha acordo com americana Krispy Kreme para venda de donuts

Operação tem previsão para começar entre o fim de 2024 e início de 2025; rosquinhas serão oferecidas com exclusividade nos postos Ipiranga

9 fev 2024 - 19h51
Compartilhar
Exibir comentários

RIO - A rede de lojas de conveniência AmPm vai criar uma joint venture com a americana Krispy Kreme, para vender donuts, as rosquinhas de massa açucarada frita e cobertura variada, com exclusividade nos postos Ipiranga.

O contrato de associação entre as partes foi assinado nesta semana nos Estados Unidos. O negócio está sujeito à aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e a operação tem previsão para começar entre o fim de 2024 e início de 2025, informou em nota o presidente da AmPm, Renato Stefanoni. Valores e pormenores do acordo não foram revelados.

A parceria vai começar por São Paulo para, em seguida, alcançar outros estados. O modelo será semelhante ao operado pela Krispy Kreme em outros países com redes de varejo como 7Eleven, Tesco e Walmart. No Brasil, portanto, seus donuts estarão disponíveis somente na rede de lojas próprias e nas lojas AmPm.

"Esse movimento vem para reforçar nossa posição como varejo único, com portfólio exclusivo associado a marcas icônicas", diz Stefanoni. A ideia, diz, é cada vez mais transformar a parada dos clientes nos postos em experiências marcadas por outros serviços, como o varejo das lojas de conveniência.

Donuts passarão a ser vendidos na rede de lojas de conveniência AmPm
Donuts passarão a ser vendidos na rede de lojas de conveniência AmPm
Foto: TABA BENEDICTO / ESTADÃO / Estadão

A AmPm tem hoje 1,5 mil lojas em postos Ipiranga de todo o País, que somam 6 mil hoje. Há, portanto, espaço para expandir o negócio de conveniência, encarado pelo mercado como importante em horizonte marcado pela transição energética. Em entrevista ao Estadão/Broadcast, em dezembro, o presidente da Ipiranga, Leonardo Linden, sublinhou a importância de explorar cada vez mais postos de gasolina da rede como "bons pontos de varejo".

Em comunicado sobre o acordo nos Estados Unidos, a Krispy Kreme diz que o Brasil representa um mercado de crescimento prioritário para a empresa e que essa expansão sucede à chegada da marca em Paris, em dezembro de 2023. Com sede em Charlotte, na Carolina do Norte (EUA), a empresa foi fundada em 1937 e hoje tem mais de 13 mil pontos de venda em mais de 35 países do mundo, mas principalmente nos Estados Unidos e no Canadá.

Estadão
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade