PUBLICIDADE

Lenka Peterson (1925-2021)

5 out 2021 23h25
| atualizado às 23h38
ver comentários
Publicidade
Foto: Divulgação/20th Century Fox / Pipoca Moderna

A atriz Lenka Peterson, que fez sucesso na Broadway e se destacou em Hollywood nos anos 1950, morreu em 24 de setembro, enquanto dormia em sua casa em Connecticut, aos 95 anos. O anúncio foi feito pela família nesta terça (5/10).

Filha de imigrantes suecos e húngaros, Lenka Isacson foi uma das primeiras estudantes do célebre The Actors Studio, iniciando sua carreira nos teatros de Nova York em 1947. Ela estrelou 10 produções da Broadway e recebeu uma indicação ao Tony de Melhor Atriz em Musical por "Quilters" em 1985.

Peterson adotou seu nome artístico para estrear nos cinemas em "Pânico nas Ruas" (1950), de Elia Kazan. Também integrou "O Clube das Moças" (1951), de Jean Negulesco, e se notabilizou em outro drama de temática noir, "Cidade do Vício" (1955), de Phil Karlson, como a esposa de um advogado (Richard Kiley) determinado a limpar a corrupção de sua cidade. Mas se casou cedo com o produtor de telejornais Daniel O'Connor e teve cinco filhos, que interromperam sua carreira no auge.

Por conta disso, a maioria de seus papéis nas telas foram participações em episódios de séries, de "Rota 66" no começo dos anos 1960 a "Chumbo Grosso" no final dos anos 1980.

Quando Peterson percebeu que a escola primária de seus filhos tinha apenas uma atividade extracurricular, ela começou um clube de teatro. Nada menos que trezentos alunos se matricularam na primeira turma. O clube acabou virando o Westchester Young Actors Theatre, que apresentou peças por uma década. Depois que seus filhos cresceram, ela continuou trabalhando com crianças nos teatros de Connecticut, depois que ela e seu marido se mudaram para lá em 1979.

Paralelamente, seguiu atuando em séries, novelas, peças e filmes até 2006, quando se despediu com o remake de "A Grande Ilusão", no qual contracenou com Sean Penn, Kate Winslet, Anthony Hopkins, Mark Ruffalo e Jude Law. No mesmo ano, também lançou um livro sobre teatro infantil, "Kids Take the Stage: Helping People Discover the Creative Outlet of Theatre".

Uma das filhas de Petersen aproveitou o teatrinho infantil para seguir os passos da mãe e também se tornou uma atriz famosa: Glynnis O'Connor, estrela dos clássicos "A Ponte dos Desejos" e "O Garoto da Bolha de Plástico" (ambos de 1976), que recentemente integrou o elenco da série de espionagem "Condor".

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Publicidade
Publicidade