PUBLICIDADE

Robert Pattinson fará remake de "Possessão" com diretor de "Sorria"

Ator une forças com Parker Finn para recriar o clássico do terror psicológico de 1981

12 jun 2024 - 22h05
(atualizado às 22h26)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Instagram/TIFF / Pipoca Moderna

Robert Pattinson está envolvido em um novo e ambicioso projeto de Hollywood: o remake de "Possessão", cultuado terror psicológico de 1981, dirigido pelo cineasta polonês Andrzej Żuławski. Pattinson se uniu a Parker Finn, diretor de "Sorria", para trazer uma nova versão do clássico às telas.

Disputa por direitos

O projeto já está gerando grande interesse na indústria cinematográfica, com uma acirrada disputa entre A24, Netflix, Paramount, Sony e Warner Bros. As negociações estão nas fases iniciais, com reuniões ocorrendo nesta semana, segundo fontes. Outras empresas ainda podem entrar na disputa.

A recepção das propostas tem sido extremamente positiva, com executivos elogiando a história "louca" e seu potencial comercial. A estratégia de marketing para o eventual lançamento também está em discussão.

Enredo e contexto

Ambientado em Berlim Ocidental, o "Possessão" original foi estrelado por Sam Neill como um espião que retorna para casa e encontra sua esposa (Isabelle Adjani) pedindo o divórcio. A trama se desenrola em um ciclo destrutivo de infidelidade, negligência, assassinato, criaturas alienígenas tentaculares, doppelgängers e o apocalipse. Żuławski escreveu o filme como uma reflexão sobre seu próprio casamento em ruínas. Embora não tenha sido um sucesso comercial, o filme ganhou status cult e é até hoje lembrado por um surto de possessão de Adjani, que faz parte das melhores cenas do terror dos anos 1980 e inspirou recentemente um clipe da banda Massive Attack. O trailer do filme original pode ser visto logo abaixo.

Equipe do remake

Finn será responsável pelo roteiro, direção e produção da nova versão através de sua produtora Bad Feeling. Pattinson também está envolvido na produção via sua empresa Icki Eneo Arlo, e sua participação como ator será definida à medida que o roteiro e os cronogramas forem desenvolvidos. O produtor Roy Lee, da Vertigo Entertainment, que produziu o sucesso "Noites Brutais", também participa da produção.

Parker Finn estreou nos longas com "Sorria", o maior sucesso de terror de 2022, arrecadando mais de US$ 216 milhões mundialmente. Após esse sucesso, ele assinou um contrato de exclusividade com a Paramount e iniciou a produção de "Sorria 2". "Possessão" não faz parte desse contrato, o que explica a participação da Paramount na disputa pelos direitos.

Robert Pattinson não aparece nas telas desde "Batman" (2022), mas retornará em janeiro de 2025 com "Mickey 17", de Bong Joon Ho, o diretor de "Parasita".

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade