PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Netflix supera expectativas e registra melhor início de ano desde 2020

Plataforma de streaming atrai quase o dobro de novos assinantes previstos e fatura US$ 9,33 bilhões no primeiro trimestre

19 abr 2024 - 02h02
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Unsplash/Dima Solomin / Pipoca Moderna

A Netflix registrou um início de ano espetacular em 2024, superando as expectativas do mercado e atraindo quase o dobro de novos assinantes do que o previsto. O sucesso da plataforma de streaming se deve em grande parte à estreia de programas originais de grande sucesso e à implementação de uma nova política de repressão ao compartilhamento de senhas.

Novos assinantes impulsionam crescimento

No primeiro trimestre de 2024, a Netflix atraiu 9,33 milhões de novos assinantes, um número impressionante que representa quase o dobro da média de 4,84 milhões de assinantes esperada pelos analistas. A empresa conquistou novos assinantes em todo o mundo, com destaque para os EUA e Canadá. Esse crescimento impulsionou o faturamento da Netflix para US$ 9,33 bilhões no trimestre, superando a estimativa de US$ 9,26 bilhões do mercado. O lucro líquido da empresa também cresceu, alcançando US$ 2,33 bilhões, ou US$ 5,28 por ação, acima das projeções dos investidores.

Repressão ao compartilhamento de senhas

A Netflix se recuperou de um período de desaceleração em 2021 e 2022 para crescer em seu ritmo mais rápido desde os primeiros dias da pandemia de Covid-19. Esse crescimento se deve em grande parte à ação da empresa contra pessoas que estavam usando contas de outras pessoas. A Netflix estimou que mais de 100 milhões de pessoas estavam usando uma conta sem pagar por ela. Apesar das preocupações iniciais de que essa medida poderia gerar uma reação negativa dos clientes, a empresa conseguiu convencer milhões de usuários a assinarem seus próprios planos.

Os novos clientes da Netflix tiveram muito conteúdo de qualidade para assistir no período. A plataforma lançou um novo sucesso a cada duas semanas até agora neste ano, incluindo séries como "Avatar: O Último Mestre do Ar", "Magnatas do Crime" e "O Problema dos 3 Corpos", filmes como "A Sociedade da Neve" e "Donzela" e o reality show "Casamento às Cegas". Esse conteúdo, aliado à repressão ao compartilhamento de senhas, contribuiu para o forte crescimento da empresa no primeiro trimestre.

Recorde histórico

Para completar, a plataforma alcançou um marco importante neste trimestre, com mais de meio bilhão de pessoas assistindo ao seu conteúdo em média por domicílio. "Com mais de duas pessoas por domicílio em média, temos uma audiência de mais de meio bilhão de pessoas", disse a empresa em sua carta aos acionistas. "Nenhuma empresa de entretenimento já operou nesta escala e com essa ambição antes."

Mudança de métricas

Entretanto, a Netflix também anunciou que deixará de informar os números de seus assinantes e receitas a partir do primeiro trimestre de 2025. Essas métricas têm sido há muito tempo a principal maneira pela qual os investidores em Wall Street avaliam o desempenho da empresa, mas a Netflix quer agora mudar o foco para métricas tradicionais como vendas e lucro.

Isto acontece no momento em que alguns analistas estão preocupados que a Netflix esteja novamente negociando com uma avaliação que excede em muito os fundamentos do negócio. No entanto, mesmo os analistas céticos têm ficado impressionados com o desempenho recente da empresa, elevando seus preços-alvo para os investidores.

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Compartilhar
Publicidade
Publicidade