'Bunda de Ozempic' e queda de cabelo: os efeitos colaterais relatados por usuários do remédio

Sintomas não são oficialmente reconhecidos como reações adversas na bula do remédio, mas órgão nos EUA similar à Anvisa investiga os relatos

13 mai 2024 - 15h23
(atualizado às 15h25)

Mulheres que usam o medicamento Ozempic, além de remédios semelhantes, têm relatado efeitos colaterais após seu uso. As informações são do jornal Daily Mail. O Ozempic é indicado para tratar diabetes tipo 2, mas seu uso fora das indicações da bula, ou "off label", serve para perda de peso. 

"Bunda de Ozempic" e queda de cabelo: mulheres relatam efeitos colaterais
"Bunda de Ozempic" e queda de cabelo: mulheres relatam efeitos colaterais
Foto: Reprodução Redes Sociais / Tik Tok / Reprodução Redes Sociais / Tik Tok

De acordo com o periódico britânico, mulheres têm usado as redes sociais para relatar perda de massa na região dos glúteos, o que tem sido chamado por elas de "Ozempic butt", que em português significa "bunda de Ozempic". As pacientes teriam dito que chegam a sentir os ossos da região do traseiro. 

Publicidade

A usuária do TikTok "@lynnesjourney" reclama do efeito colateral. Na legenda de um vídeo, ela escreve: "Ajuda! Não tenho 'rosto de Ozempic', mas tenho 'bunda de Mounjaro"! Ela continua no vídeo: "sempre disse que faria um lifting facial, se ficasse flácida. O que vou fazer sobre minha bunda"? O Mounjaro é um medicamento que tem sido usado com os mesmos objetivos do Ozempic.

Ozempic x Mounjaro: qual dos dois remédios é mais potente? Ozempic x Mounjaro: qual dos dois remédios é mais potente?

Possível problema capilar

Além disso, há um número crescente de mulheres dizendo que passaram a perder tufos de cabelo após o uso de Ozempic ou de medicamentos semelhantes. 

Nenhum dos sintomas é oficialmente reconhecido como efeito colateral do Ozempic ou até mesmo dos remédios parecidos, mas segundo a reportagem, a FDA (Food and Drug Administration), que seria equivalente à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) no Brasil, está investigando notificações feitas por mulheres de que o uso do medicamento teria levado à queda de cabelo. O órgão ainda não exige, porém, que isso seja mencionado no rótulo.

Publicidade

Especialistas apontam que o efeito na região dos glúteos é esperado, uma vez que a rápida perda de peso proporcionada pelos medicamentos tende a deixar a pele com pouco tempo para se ajustar – fazendo com que ela caia, principalmente se o tratamento não for acompanhado de uma dieta correta e de exercício físico.

Fonte: Redação Terra Você
Fique por dentro das principais notícias
Ativar notificações