PUBLICIDADE

Nasce primeiro bebê em maternidade da Rocinha, no RJ

Menina nasceu um dia depois da inauguração da unidade de saúde. No ano passado, foram 480 crianças nascidas na região

22 abr 2024 - 10h08
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
A primeira criança a nascer na Maternidade da Rocinha é Maya Serpa. O local deve atender a demanda da população local. Além das instalações, há programa de acompanhamento da gravidez. Expectativa é realizar cerca de 40 partos por mês.
Priscilla Ferreira e sua filha Maya Serpa, que inauguraram os nascimentos da maternidade na Rocinha
Priscilla Ferreira e sua filha Maya Serpa, que inauguraram os nascimentos da maternidade na Rocinha
Foto: Edu Kapps

É uma menina! Foi no início da tarde de 21 de abril, exatamente às 12h13, que pôde ser ouvido o choro do primeiro bebê que nasceu na Maternidade da Rocinha, localizada na zona Sul do Rio de Janeiro. Chamada Maya Serpa, com 2,9kg e 50cm, a pequena estreou as instalações da unidade inaugurada no dia anterior. 

A mãe é Priscilla Ferreira e o pai, Gustavo Serpa. Apenas 10 minutos antes de chegar à maternidade, o desejo de Priscilla era que a filha nascesse naquele local. Mãe também do menino Gael, de 3 anos, durante a segunda gestação, ela realizou o pré-natal na unidade mais próxima da residência, a Clínica da Família Rinaldo de Lamare. 

Instalada no prédio do Centro Municipal de Cidadania Rinaldo de Lamare, no qual a Clínica da Família Rinaldo de Lamare é situada, a unidade tem como propósito atender a demanda da população local. A unidade atende partos de baixa complexidade. A expectativa é de 40 por mês.

No ano passado, nasceram 480 bebês na região da Rocinha. A maternidade tem centro cirúrgico, uma sala de recuperação pós-anestésica, uma sala de pré-parto, parto e puerpério (PPP), sala de observação clínica e quatro leitos obstétricos. As instalações estão distribuídas pelo primeiro e pelo oitavo andares do prédio. Dois elevadores farão o transporte das pacientes pelo edifício.

A Maternidade da Rocinha conta com sala do Programa Cegonha Carioca, onde as futuras mães poderão receber informações sobre a hora do parto e conhecer a unidade onde darão à luz. A visita à maternidade é um dos serviços disponibilizados pelo programa, que também realiza ações de orientação junto às gestantes e distribui o enxoval cegonha.

Presente em todas as maternidades municipais, o programa oferece incentivos ao pré-natal e transporte em ambulância para a maternidade, com acompanhamento de enfermeiras obstétricas.

Fonte: Visão do Corre
Compartilhar
Publicidade
Publicidade