Conheça dez destinos turísticos no Leste Europeu

11 mar 2017
10h00
  • separator
  • comentários

Centros históricos idílicos, montanhas imponentes, praias exuberantes... E tudo a preços moderados. Turismo no leste da Europa está na moda. Alguns destinos já são clássicos, outros, ficam cada vez mais conhecidos.

Praga, na República Tcheca

Praga
Praga
Foto: Deutsche Welle

A "Cidade do Ouro" às margens do rio Moldava é um dos mais belos e antigos centros urbanos da Europa, com um vasto patrimônio arquitetônico e cultural. Quatro milhões de visitantes por ano admiram as igrejas e a antiga prefeitura, experimentam cerveja tcheca e sobem até o Castelo de Praga.

Riga, na Letônia

Riga
Riga
Foto: Deutsche Welle

Uma mistura de medieval e art nouveau, enriquecida com estilo marítimo: esta é Riga, a "Pérola do Báltico". A capital da Letônia foi criada no século 12 por comerciantes alemães, que construíram igrejas e casas no centro histórico. Também a parte nova da cidade é magnífica, com 800 prédios em estilo art nouveau.

Cracóvia, na Polônia

Cracóvia
Cracóvia
Foto: Deutsche Welle

Os jovens amam a antiga cidade dos reis poloneses, pois uma de suas atrações é a animada vida noturna. Em volta da histórica praça central (foto) há vários restaurantes e bares de jazz. A cena alternativa se encontra no bairro judeu.

Alto Tatra, na Polônia e Eslováquia

Alto Tatra
Alto Tatra
Foto: Deutsche Welle

A uma hora de carro de Cracóvia começa as menor cordilheira do mundo, que se estende até a Eslováquia. As montanhas têm até 2600 metros de altitude e cercam um lago, que é ponto de partida de muitas trilhas para caminhadas.

Bucareste, na Romênia

Bucareste
Bucareste
Foto: Deutsche Welle

Cada vez mais turistas estão descobrindo as belezas da capital romena, também chamada "Paris do Leste". A mistura entre resquícios do passado comunista e o presente é muito interessante. Uma dica é um passeio pelo centro histórico, onde há muitos bares e restaurantes.

Delta do Danúbio, na Romênia

Delta do Danúbio
Delta do Danúbio
Foto: Deutsche Welle

O segundo rio mais longo da Europa banha dez países até desembocar no mar Negro. O delta do Danúbio é uma das últimas áreas selvagens na Europa, ele serve de habitat para milhares de espécies animais e vegetais. A área pode ser explorada através de uma visita guiada ou individualmente, com canoas ou barcos.

Varna, na Bulgária

Varna
Varna
Foto: Deutsche Welle

Varna é a terceira maior cidade da Bulgária e o principal balneário do país, com praias extensas e famosas. Durante o dia se toma banho de sol, e, à noite, acontecem as festas que atraem jovens de toda a Europa.

Belgrado, na Sérvia

Belgrado
Belgrado
Foto: Deutsche Welle

Em Belgrado, muitos turistas apreciam os clubes noturnos flutuantes sobre o Danúbio. Mas a capital da Sérvia tem também outras atrações, como a catedral ortodoxa de São Sava. Com uma cúpula de 35 metros de largura, é uma das maiores do mundo e lembra a Hagia Sofia, em Istambul. Só que a catedral só começou a ser construída em 1935.

Kotor, em Montenegro

Kotor
Kotor
Foto: Deutsche Welle

O mar Adriático avança 30 km para dentro de Montenegro, passando por rochas escarpadas até chegar a Kotor, reconhecida como Patrimônio Mundial pela Unesco. Há pouco espaço na costa, por isso o local não aposta no turismo em massa, e sim numa clientela de maior poder aquisitivo. Quando chegam os navios de cruzeiro, acaba o sossego nas ruelas medievais.

Kiev, na Ucrânia

Kiev
Kiev
Foto: Deutsche Welle

Turistas estrangeiros evitam esta interessante cidade devido aos conflitos no oeste da Ucrânia. Na realidade, eles acontecem a 800 km da capital. Em maio a cidade voltará a atrair as atenções, pois ali será realizado o Festival Eurovisão da Canção.

Veja também

Deutsche Welle A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade