PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

Usar filtro solar para fazer 'contorno natural' no rosto detona a pele

Além de causar envelhecimento precoce e destruir o colágeno, o método que viralizou nas redes sociais é um risco à saúde.

10 abr 2024 - 05h00
Compartilhar
Exibir comentários

Passar protetor solar em partes do rosto para deixar locais específicos bronzeados é  uma das práticas relacionadas aos cuidados (ou neste caso "descuidados")  com a pele, que tem viralizado nas redes sociais. 

Conheça os riscos à saúde do método que viralizou nas redes sociais
Conheça os riscos à saúde do método que viralizou nas redes sociais
Foto: Reprodução Tik Tok / Reprodução Tik Tok

Vídeos de influenciadores usando filtro apenas debaixo dos olhos ou no nariz, acompanhados de tags como #suncreencontourning, que significa "contorno de protetor solar" em inglês, voltaram a ser populares. Especialistas reforçam que a prática não faz bem à saúde. O ideal é usar maquiagem para ter esse efeito.

@constantarata Maybe I should try putting on a heavier layer idk, I put sunscreen all over my face before so I won’t burn #sunscreen #skincare #sun #contour #tan #suntan #cosmeticscience ♬ VALENTINO (Sped Up) - 24kGoldn

Esse tipo de contorno "natural" é mais um item na lista de métodos "dermatológicos" questionáveis, sem base científica e que podem fazer mal à saúde. As linhas de bronzeamento que são resultado da prática nada mais são do que proteção inconsistente aos raios UVB. Dessa maneira, a pele continua exposta aos raios solares.

Destruindo o colágeno natural 

A falta de proteção correta do sol pode elevar o risco de envelhecimento precoce, da pele, perda de elasticidade, formação de rugas e doenças como câncer de pele. Além disso, diferentemente da maquiagem, que pode ser retirada, as queimaduras solares podem ter efeitos a longo prazo, como melasma e hiperpigmentação.

“A radiação UVA, responsável pelo bronzeamento da pele após a exposição solar, é a principal causadora do fotoenvelhecimento da pele, pois ela atinge as camadas mais internas e destrói o colágeno”, já explicou o médico dermatologista Lucas Miranda em entrevista recente ao Terra.

O conselho é aplicar o filtro solar no rosto todo, com retoques periódicos, principalmente para quem entra na água. Além disso, os protetores não devem ser misturados e o ideal é usar um protetor FPS 30 ou mais forte.

A proporção é de protetor solar é de uma colher de chá para o rosto inteiro. Para atingir a quantidade adequada para o rosto no dia a dia, uma dica é traçar linhas finas de protetor ao longo do comprimento de 3 dedos das mãos, e, claro, espalhar por toda a pele do local. 

Além disso, na hora de aplicar, é importante ir depositando o produto aos poucos com leves batidinhas dos dedos no rosto em vez de esfregar para espalhar, isso vai favorecer a formação de uma camada de proteção adequada. 

“Caso vá realizar atividades ao ar livre, se proteger com chapéus, se abrigar embaixo de sombrinhas, guarda-sol ou árvores, sempre evitando a exposição direta à radiação”, indica o dermatologista.

Além disso, a Sociedade Brasileira de Dermatologia recomenda que se reaplicar o produto a cada três horas, ou até em intervalo menor caso haja transpiração, imersão em água ou exposição prolongada à radiação solar. 

Fonte: Redação Terra Você
Compartilhar
Publicidade
Publicidade