Mesmo sem nascer, o dente do siso pode ter cárie

Especialista desmistifica tudo sobre o dente do siso e sua extração tão temida pelos pacientes

29 out 2014
08h00
atualizado às 10h09
  • separator
Se o siso puder ser higienizado facilmente, se consegue tocar o dente superior para ajudar na mastigação e se estiver livre de infecções, ele pode e deve ser mantido
Se o siso puder ser higienizado facilmente, se consegue tocar o dente superior para ajudar na mastigação e se estiver livre de infecções, ele pode e deve ser mantido
Foto: Robert Kneschke / Shutterstock

Popularmente conhecido como dente do juízo, por seu nascimento ocorrer na maioria das vezes entre os 17 e 21 anos de idade, o dente do siso e sua extração causam muitas dúvidas nas pessoas. Para não parecer mais um bicho de sete cabeças, o especialista em cirurgia e traumatologia buco-maxilo-facial, Alessandro Silva, esclarece conta o que é mito e o que é verdade, além de garantir que, quando bem realizada, a extração desse dente pode ser uma experiência corriqueira e sem traumas. 

Dente do siso deve ser retirado antes de ele nascer; entenda
Dentista esclarece dez mitos e verdades sobre clareamento
Chupeta entorta os dentes, mamadeira dá cárie; mitos e verdades sobre saúde oral infantil


Todo mundo que tem dente do siso deve tirá-lo - MITO
Nem sempre o dente do siso é sinônimo de problema. Se ele estiver em uma posição que possa ser higienizado facilmente, se ele consegue tocar o dente superior a ponto de ajudar na mastigação e se estiver livre de infecções, pode e deve ser mantido. “Mas se um desses fatores apresentar problema, a remoção deve ser realizada”, diz o especialista. 

O dente do siso desalinha os outros dentes - MITO
Esse item divide a opinião dos profissionais. Muitas pessoas que já têm um desalinhamento dental, principalmente na parte da frente da arcada inferior, apresentam uma piora no quadro dos 17 aos 21 anos, bem na época que começam a nascer os dentes do siso. Por isso, muitos profissionais atribuem essa piora ao siso. Porém, Alessandro discorda. “O aumento do desalinhamento ocorre devido a um crescimento adicional e tardio da mandíbula, que ocorre justamente na mesma época do nascimento dos dentes do siso”, diz Alessandro. 

Mesmo sem nascer, o dente do siso pode ter cárie - VERDADE
Mesmo que o siso não esteja aparecendo, não significa que não possa sofrer ataques das bactérias da boca. “A cárie pode destruir o dente com inflamações na gengiva, onde as bactérias vão penetrá-la e atacá-lo. Nesses casos, o dente do siso pode ser extraído ou pode ser feito um tratamento à base de antibióticos antes da sua remoção”, diz Alessandro.
 
Quem extrai um dos dentes do siso, precisa extrair os outros - MITO
Apesar de acontecer na maioria das vezes, a extração de todos os dentes do siso nem sempre é obrigatória. Se os outros estiverem saudáveis e auxiliando a mordida, podem ficar. “A extração de todos os dentes é muitas vezes preventiva, pois a presença deles poderá causar problemas futuros”, diz o dentista. 

Tomar sorvete é recomendado após a cirurgia de extração do dente - VERDADE
Normalmente, o consumo de alimentos pastosos e gelados é recomendado após qualquer tipo de cirurgia na boca. “Costumamos indicar esse tipo de alimentação, pois, além do gelado ajudar a diminuir a infecção, estamos preocupados com a higienização do local e a mastigação. Ingerir alimentos mais sólidos obrigaria o paciente a intensificar a mastigação, o que poderia causar lesões no local da cirurgia, além disso, comer comida mais dura pode dificultar, mais tarde, a higienização do local. Imagina se um arroz fica preso? Alimentos pastosos deslizam mais fácil na cavidade bucal”, diz Breno Nantes, cirurgião-dentista da USP.

O dente do siso pode atrapalhar os tratamentos ortodônticos - VERDADE
Dependendo da posição do siso, ele pode atrapalhar. “Mas isso vai depender da ordem em que os dentes vão nascer e dos movimentos que o ortodontista precisará fazer nos dentes durante o tratamento ortodôntico”, diz o especialista. 

O dente do siso deve ser retirado na adolescência - MITO
A idade ideal vai depender da forma e da posição dos dentes. É mais comum extraí-los por volta dos 17 anos. “Contudo a melhor idade para sua remoção é entre 14 e 16 anos, pois nesta fase as raízes ainda não estão totalmente formadas e ele já se apresenta em uma posição favorável para sua remoção”, diz Alessandro. 
 
O dente do siso pode causar tumor - VERDADE
Em alguns casos, a presença prolongada do dente do siso dentro do osso pode causar cistos ou tumores que levam a grandes destruições ósseas. “Por serem lesões normalmente assintomáticas nos seus estágios iniciais, a radiografia para ver se há dentes inclusos e lesões é obrigatória”, diz o dentista. 
 
A extração sempre causa inchaço no paciente - MITO
O inchaço vai depender de como estava a posição do dente durante a cirurgia, da delicadeza do cirurgião e da resposta do individuo. “Um pequeno e discreto inchaço é inevitável na maioria dos casos, mas muitas vezes imperceptível no dia a dia”, diz Alessandro. 
 
Não é recomendado escovar a região operada logo após a cirurgia - VERDADE
Mas isso não quer dizer que o paciente não possa escovar os dentes nesse período. Pode e deve. Só não pode escovar a região onde foi realizada a cirurgia. “Bochechos com antissépticos bucais podem ajudar bastante a manter limpa a região”, diz o especialista. 

Fonte: Agência Beta Este conteúdo é de propriedade intelectual do Terra e fica proibido o uso sem prévia autorização. Todos os direitos reservados.
publicidade