PUBLICIDADE

Conheça a doença congênita que faz as pessoas terem 'olhos de gato'

Malformação que pode aparecer na íris ou retina, causando o efeito "olhos de gato"; mulher teve de provar que não usa lentes de contato

2 mar 2024 - 05h00
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Reprodução/Instagram @anekloster

A contadora Anelize Kloster viralizou nas redes sociais nesta semana ao gravar um vídeo com as perguntas que mais recebe das pessoas por causa da aparência do seu olho. Acontece que, diferente dos “olhos comuns”, Anelize tem “olhos de gato”. 

A condição que altera a anatomia do olho de Anelize é chamada de coloboma, uma doença congênita que ocorre na formação do olho e pode aparecer na íris, retina, pálpebras ou nervo óptico ainda nos primeiros meses de vida. 

A Sociedade Brasileira de Oftalmologia Pediátrica destaca que se nenhuma outra anormalidade estiver presente, a visão geralmente é normal e lentes de contato podem ser usadas pelos portadores da malformação.

A oftalmologista do Hospital de Olhos de Cuiabá, Giovanna Marchezine, explica ao Terra que não existe um tratamento para a condição e sim para os sintomas que podem ser associados à doença.

“Colobomas de pálpebra e íris são os maiores causadores de fotossensibilidade, por exemplo. Já o coloboma de nervo óptico pode estar associados a baixa visão dependendo do tamanho da alteração e da associação com outras malformações oculares”, diz a especialista. 

Quais são as raças reais dos gatos mais famosos do mundo? Quais são as raças reais dos gatos mais famosos do mundo?

Em seu perfil no Instagram, Anelize chegou a compartilhar fotos de quando era criança para provar aos seguidores que não usa lentes de contato para simular o efeito “olhos de gato”. 

Fonte: Redação Terra Você
Compartilhar
Publicidade
Publicidade