0

Boa Leitura: O galo gago

6 nov 2018
07h11
  • separator
  • comentários

Poeta, ensaísta e crítico literário, o acadêmico Antonio Carlos Secchin tece uma homenagem a um de seus mais caros objetos de estudos: o também poeta João Cabral de Melo Neto. No livro, Secchin parte do verso â??um galo sozinho não tece uma manhãâ? para contar a divertida história da Noite, que deseja ir embora, mas só depois que o galo cocoricar. O problema é que o galo é gago, e acaba impedindo o Dia de raiar. Os bichos se assustam e, juntos, pensam numa solução criativa para a questão. 

 

Referência:

 

https://www.skoob.com.br/o-galo-gago-806665ed810829.html

Estadão Conteúdo

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade