PUBLICIDADE

Entenda por que dormir demais deixa as pessoas com sono

Horas extras na cama interrompe rotina do sono e quebra ciclo de repouso, o que causa ainda mais exaustão

9 jun 2014 11h35
| atualizado às 12h11
ver comentários
Publicidade
"Quantidade não é qualidade de sono", alerta especialista
"Quantidade não é qualidade de sono", alerta especialista
Foto: Getty Images

Dormiu mais do que o normal na noite passada, mas continua cansado? Pois é, ao contrário do que se imagina, ter horas extras de sono pode não ser a cura para o cansaço. Isso porque o corpo funciona dentro de uma rotina de sono e está adaptado e acostumado com esta consistência. Ficar mais tempo na cama interrompe justamente este ritmo já estabelecido. As informações são do site The Huffington Post.

Segundo Michael J. Breus, especialista da Academia Americana da Medicina do Sono, a média de um ciclo de sono é de 90 minutos, o que significa que as pessoas têm aproximadamente cinco etapas dessas durante uma noite de 7,5 horas de repouso. Portanto, quem fica uma hora a mais na cama além do que está acostumado desperta no estágio 3 ou 4 deste ciclo, que representa o sono profundo. Além de ser mais difícil acordar nesta fase, é a interrupção desta etapa completa que deixará a pessoa exausta e desanimada durante todo o dia. "Vale lembrar que quantidade não é qualidade. Você pode dormir muito e ainda ser estar privado de um bom sono", afirma o especialista.

Para ter uma qualidade melhor de sono, o ideal é marcar o horário que precisa levantar da cama de manhã e diminuir 7,5 horas para assim encontrar o tempo certo de ir dormir e poder completar os cinco ciclos completos durante a noite.

Sexomnia e pernas inquietas: conheça 16 distúrbios do sono Sexomnia e pernas inquietas: conheça 16 distúrbios do sono: Problemas na hora de dormir podem ir muito além dos distúrbios mais conhecidos, como ronco e sonambulismo. Há também distúrbios mais curiosos, como sexomnia – espécie de sonambulismo com comportamento sexual – e as pernas inquietas. Conheça 16 deles no infográfico

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade