PUBLICIDADE

Preta Gil desabafa nas redes sociais após crises de ansiedade: 'Tô calma, mas tô nervosa'

Cantora passa por fase difícil com tratamento de câncer e divórcio recente

28 jul 2023 - 15h46
(atualizado às 15h53)
Compartilhar
Exibir comentários
Preta Gil desabafa sobre crises de ansiedade em período difícil
Preta Gil desabafa sobre crises de ansiedade em período difícil
Foto: Reprodução/Instagram/@pretagil / Estadão

Nesta sexta-feira, 28, Preta Gil fez um novo desabafo nas redes sociais. A cantora e empresária, que chegou a ir ao hospital na última semana devido a uma crise de ansiedade severa, detalhou como vem se sentindo.

"As crises estão melhores, tem aquela punk de quando a gente acorda, tem os famosos gatilhos. Estou, sim, melhorando com ajuda dos remédios, terapia e meu amor próprio", escreveu.

Preta Gil desabafa sobre crises de ansiedade em período difícil
Preta Gil desabafa sobre crises de ansiedade em período difícil
Foto: Reprodução/Instagram/@pretagil / Estadão

Preta está em Atins, no Maranhão, para comemorar o aniversário da amiga Marina Morena. Segundo a cantora, a viagem vem ajudando a sua saúde mental. "Estou aqui no lugar mais lindo que já fui na vida, a natureza, a liberdade de ser eu, os amigos que estiveram comigo me ajudaram muito", contou.

Em imagem, Preta exibe uma camiseta com os dizeres "Tô calma, mas tô nervosa". Para ela, a camiseta a define neste momento. "Vai passar", falou, sobre a fase difícil que vem atravessando.

O que é nosofobia? O que é nosofobia?

Tratamento do câncer e separação

Preta Gil descobriu um câncer de intestino no início de 2023 e comemorou sua última radioterapia em junho, mas segue em tratamento. A previsão é de que a artista opere o tumor no próximo mês.

Recentemente, Preta enfrentou uma separação após a traição do marido, Rodrigo Godoy, com uma ex-funcionária do casal. Em 12 de julho, ela revelou que ia se distanciar das redes sociais para focar na saúde mental e física. Segundo a artista, ela adoeceu emocionalmente pois "a dor e decepção foram muito fortes".

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Publicidade