Saiba como deixar móveis antigos com cara de novos

Com pouco material é possível transformar objetos sem gastar muito

26 dez 2017
08h00

Quem aí não tem um móvel antigo que não gosta, em algum canto da casa? Muitas vezes, a vontade é de jogá-lo fora e trocar por um novo, mas especialmente os feitos com madeiras têm seu valor, seja por terem um estilo clássico que não sai de moda ou por serem resistentes ao tempo. Em vez de simplesmente trocá-lo, dar uma repaginada pode ser uma saída mais barata e estilosa.

Reforma dá cara nova aos móveis antigos. Muitas vezes, só uma pintura já muda tudo
Reforma dá cara nova aos móveis antigos. Muitas vezes, só uma pintura já muda tudo
Foto: Shutterstock

Quase sempre é possível reaproveitar móveis de madeira antigos. O material é durável e, se estiver protegido de cupins, pode passar de geração em geração. Mas antes de botar a mão na massa é preciso fazer uma análise geral do móvel. Assim, você já saberá o que necessita ser apenas lixado, o que precisará de um ajuste extra com massa para madeira e, também, por onde começar o trabalho.

Para fazer a reforma, são necessários: lixa, massa e cola para madeira, tinta, verniz, pincel e rolos, pano, balde com água e jornais velhos. Depois de tudo separado, procure um lugar arejado, se tiver um pátio melhor ainda, e forre o chão com os jornais para reduzir a sujeira e evitar que caia tinta no piso.

 

Se o móvel tiver acessórios como puxadores, é necessário tirar tudo, para deixar a área livre para trabalhar e não danificá-los. Também é importante limpar bem o objeto. Caso existam buracos e outros danos que precisem de massa para madeira, corrija isso antes de lixar a superfície para tirar tinta e deixar tudo uniforme. Após lixar, é preciso usar um pano úmido para uma nova limpeza, e aí sim pintar com tinta ou verniz.

Personalização
Uma nova pintura não é o único jeito de renovar um móvel antigo. Você pode personalizá-lo ou reformá-lo de outras formas. Uma dessas possibilidades é com o uso de papel contact estampado. Um criado-mudo, por exemplo, pode ganhar outra cara com a colagem do papel na parte externa da gaveta, com uma imagem que combine com o restante da pintura, que pode ser nova ou a já existente, se estiver em boas condições.

Alguns móveis que podem estar largados, com peças faltando como puxadores e alças, também podem se tornarem úteis novamente com um pouco mais de trabalho e ganhar nova vida. Além de lixar e pintar, você pode procurar por novas peças para repor as antigas já perdidas ou danificadas, e com pequenos detalhes mudar o estilo do objeto.

Fonte: CA
publicidade