2 eventos ao vivo

Guia do bolo perfeito: confira o manual completo para acertar nas receitas

Siga algumas dicas simples e eficazes da confeiteira para nunca mais errar!

16 nov 2020
19h27
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Guia do bolo perfeito: confira o manual completo para acertar nas receitas
Guia do bolo perfeito: confira o manual completo para acertar nas receitas
Foto: Shutterstock / Alto Astral

Sempre surgem algumas dúvidas na hora de fazer aquele bolo gostoso, não é mesmo? Para que isso não aconteça mais, conversamos com a confeiteira especialista no assunto, Márcia Valéria Casabianca Barbosa. A profissional reuniu os principais truques para você preparar um bolo perfeito e nunca mais se frustrar com as receitas - seja para incrementar o café da tarde ou investir no ramo da culinária.

"Costumo falar para as minhas alunas que uma receita de sucesso precisa de 50% de vontade e 50% de técnica. Com essa soma, o resultado só pode ser o melhor possível", diz Márcia. Sendo assim, seguindo essas dicas com muita dedicação, seus bolos ficarão impecáveis daqui para frente. Saiba mais!

15 dicas para o preparo de bolos perfeitos

Foto: Shutterstock / Alto Astral

1. Antes de iniciar qualquer receita, deixe todos os ingredientes separados nas quantidades em que serão utilizados. Além disso, é essencial seguir rigorosamente o modo de preparo para que o resultado seja exatamente o esperado.

2. Outra dica necessária antes de colocar a mão na massa é verificar se a receita exige que o forno seja pré-aquecido e por quanto tempo. "Eu, por exemplo, ensino para as minhas alunas que a massa de pão de ló deve ser colocada no forno sem a necessidade de pré-aquecer", explica a confeiteira.

3. O uso da batedeira é indicado para os bolos com massas mais densas e que levem claras em neve, como o pão de ló. O utensílio ajudará a deixar o quitute mais fofinho e aerado. Enquanto isso, o liquidificador pode ser utilizado para massas mais líquidas, como os bolos de cenoura ou bom-bocado.

4. Dê preferência para o uso de produtos de qualidade, que irão interferir diretamente no resultado do bolo perfeito. A farinha, por exemplo, é recomendada que seja do 'tipo 1', encontrada em supermercados ou em lojas especializadas.

5. Quebre os ovos em um recipiente à parte e, só depois, agregue-os à receita. Assim, você evita o desperdício caso algum deles esteja estragado. No caso das claras em neve, a dica é adicioná-las à batedeira aos poucos, mexendo delicadamente. Assim, a leveza do ingrediente poderá ser incorporada ao restante da massa.

6. Peneire todos os ingredientes secos da receita, como farinha, açúcar e fermento. Dessa forma, você evita a formação de "grumos" que podem interferir no crescimento do bolo.

7. Para saber se o fermento em pó está ativo, ou seja, se fará a sua massa crescer, coloque uma colher (chá) do ingrediente em um copo com água bem quente. Se borbulhar, significa que está bom para uso.

8. Outra dica quanto ao fermento é adicioná-lo por último na receita. Isso porque, caso contrário, ele começará a agir antes da hora e poderá interferir no resultado final do bolo.

9. Para evitar que o bolo grude, não se esqueça de untar o fundo da fôrma com manteiga. A profissional ainda indica colocar papel-manteiga por cima e também untá-lo com manteiga e farinha. Assim, não restarão brechas para errar na hora de preparar o bolo perfeito.

10. Para que a massa não transborde da fôrma nem fique fina demais, preencha até 2/3 da capacidade da assadeira. Na dúvida, utilize sempre a medida da fôrma que foi solicitada na receita.

11. Nunca abra o forno durante os 20 minutos iniciais do cozimento, para que não interfira no crescimento do seu bolo perfeito. Se precisar, acenda a lâmpada para visualizar melhor.

12. Para saber se a preparação já está pronta, aposte no velho truque da vovó. Insira um palito de dente no centro do bolo e verifique se algum resquício de massa crua sai com ele. Caso contrário, sua receita está prontinha.

13. Ao retirar o bolo do forno, a dica é deixá-lo esfriar sobre uma superfície que não abafe o fundo da forma. De acordo com Márcia, o ideal é apoiá-lo em uma grade de metal.

14. Por fim, utilize uma faca sem ponta para desenformar o bolo. Com cuidado, passe-a ao redor do quitute e vire ao contrário, na superfície em que ele será servido ou decorado.

15. A prática leva à perfeição. Não desista! "Se depois de tudo isso você ainda não conseguir fazer o bolo perfeito, não desanime e repita até alcançar o grau de excelência que você procura", finaliza a especialista.

Consultoria: Márcia Valéria Cabianca Barbosa, confeiteira | Texto: Ariádne Mussato | Edição: Milena Garcia e Renata Rocha

Veja também:

Alto Astral
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade