PUBLICIDADE

Empresa reaproveita 600 mil de ovos de Páscoa que iriam pro lixo

Para este ano, greentech tem expectativa de 10% a mais de recolocação do que em 2022

6 abr 2023 - 06h20
Compartilhar
Exibir comentários
Recolocação de ovos de Páscoa evita desperdício gigantesco
Recolocação de ovos de Páscoa evita desperdício gigantesco
Foto: Gooxxy / Divulgação

Conforme a Abras (Associação Brasileira de Supermercados), os preços dos ovos de Páscoa apresentaram um aumento de 18% em relação ao ano passado. Em paralelo, o Brasil desperdiça cerca de 27 milhões de toneladas do roduto por ano. Entretanto, já há empresas que buscam alternativas para esse cenário. 

A Gooxxy, que promove recolocação de alimentos que seriam descartados pelas indústrias, trabalha a economia circular dos alimentos e, na época de Páscoa, não é diferente. Apenas em 2022, a empresa recolocou 600 mil ovos que seriam descartados, que estavam com vencimento aproximado ou erro de fabricação. Neste ano, tem a expectativa de 10% a mais de recolocação no mercado.

Trabalhando contra o desperdício

A greentech trabalha conforme a necessidade de cada indústria ou varejo, ou seja, realiza a recolocação em lugares onde o consumo será mais rápido e prático, tudo graças a inteligência de dados da empresa. Na Páscoa do ano passado, por exemplo, os estados de São Paulo e Minas Gerais foram os que mais tiveram consumo dos ovos recolocados. 

“Dizemos que a economia circular é a forma mais eficiente de combater o desperdício e fome no país. Muitos alimentos de bom uso são jogados no lixo, o que poderiam estar sendo consumidos perfeitamente pela população”, comenta Vinícius Alves, CEO e fundador da Gooxxy.

Além disso, em período de comemoração, o desperdício aumenta ainda mais, portanto, é importante ter conscientização para não exceder na produção de comida para almoço e jantar. 

O CEO da greentech separou 3 dicas de como não desperdiçar comida nesse período.

1. Planeje o cardápio

“Planejar talvez seja uma das dicas mais valiosas para não ter desperdício, portanto, sozinho ou junto a família, planeje as refeições e o que cada um levará, dessa forma, não haverá excesso de alimentos”, diz Alves.

2. Atente-se ao armazenamento

“Fique atento às datas de validade dos produtos e também ao modo de armazená-los, principalmente as frutas, verduras e legumes. Quando se trata desses itens, comprar quantidades exageradas, pode ser o caminho certeiro para o desperdício. Ou seja, no período de páscoa, compre aquilo que irá usar.”

3. Leve as refeições para casa

Por fim, ainda que sobre comida, dívida com a família, amigos ou até vizinhos, dessa forma, o desperdício será muito menor. Lembre-se, compartilhar é sempre uma opção para comidas que sabemos que não iremos consumir de imediato.

“Nosso maior trabalho é conscientizar a população que o desperdício está sendo um estado de alerta para o planeta, então quanto mais nós, sociedade e organizações privadas pudermos ajudar, melhor será para o futuro da população” conclui Alves.

(*) HOMEWORK inspira transformação no mundo do trabalho, nos negócios, na sociedade. É criação da COMPASSO, agência de conteúdo e conexão.

Homework Homework
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade