Comportamento

Aumenta no Brasil o número de mulheres imigrantes venezuelanas

31 mar 2024 - 14h54
Compartilhar

Os anos de 2023 e 2024 marcam um aumento significativo no número de mulheres venezuelanas buscando refúgio em países vizinhos, como Brasil, Colômbia e Peru. Segundo a Agência da ONU para Refugiados (ACNUR), mais de 7 milhões de venezuelanos deixaram o país desde 2014, e as mulheres representam uma parcela cada vez maior desse contingente.

As motivações para essa migração são complexas e multifacetadas, mas alguns dos principais fatores que impulsionam o êxodo feminino venezuelano incluem principalmente a crise humanitária e socioeconômica na Venezuela. A escassez de alimentos, medicamentos e outros bens básicos, intensificada a partir de 2017, tornou a vida no país extremamente difícil, especialmente para as mulheres, que muitas vezes são responsáveis pelo cuidado da família.

A hiperinflação descontrolada corrói o poder de compra das famílias, dificultando o acesso a necessidades básicas como alimentação e saúde.

A falta de oportunidades de trabalho e renda, somada à crescente insegurança e violência, torna o futuro incerto e perigoso, especialmente para mulheres e meninas.

Homework Homework
Publicidade
Publicidade