PUBLICIDADE

Para esse psicólogo, o amor tem 5 fases, mas casais desistem no número 3

Na fase 3, casais acham que o amor acabou, mas na verdade é só o começo de uma relação mais real e duradoura, de acordo com o especialista

12 jun 2024 - 11h48
(atualizado às 12h01)
Compartilhar
Exibir comentários
Shutterstock
Shutterstock
Foto: Minha Vida

Assim como nós, o amor também se transforma ao longo do tempo. É o que o psicólogo Jed Diamond definiu, em artigo para o site MenAlive, como as cinco fases do amor. O problema é que, de acordo com o especialista, a maioria das pessoas desistem durante o terceiro estágio da relação. Conheça quais são essas fases e como elas funcionam:

1ª fase - Paixão

Essa é a parte mais envolvente do relacionamento. "É tão maravilhoso porque ficamos inundados de 'hormônios do amor', como a dopamina, oxitocina, serotonina, testosterona e estrogênio", conta Diamond. Essas substâncias são responsáveis por causar uma grande sensação de bem-estar no casal.

2ª fase - Comprometimento

Nesse momento, a relação ganha a sensação de solidez e calmaria. Os laços se fortalecem, vocês começam a formar sua própria família em alguns casos. "Nós nos sentimos seguros, cuidamos e apreciamos o outro. Ficamos próximos e nos protegemos. Pensamos frequentemente que esta é a fase final do amor e esperamos que dure para sempre", explica ele.

3ª fase - Desilusão

Chega o momento em que a maioria das relações se encerram. Pode surgir de forma abrupta ou aos poucos, mas vai tornando pequenos problemas em grandes irritações, tirando lugar da felicidade que antes tomava conta da rotina do casal.

...

Veja mais

Veja também

Beijo na boca: 7 benefícios do beijo para a saúde

Beijo na boca pode transmitir gonorreia, aponta estudo

Devo conversar com meu filho sobre primeiro beijo?

Bebê de 9 dias contrai meningite após ser beijado por adulto

5 benefícios do beijo para o seu relacionamento

Minha Vida
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade