PUBLICIDADE

Benefícios da melancia: 4 motivos surpreendentes para consumir a fruta

O consumo equilibrado dessa fruta contribui para a manutenção da vida saudável

23 jan 2024 - 14h32
(atualizado em 31/1/2024 às 15h30)
Compartilhar
Exibir comentários

Os benefícios da melancia vão muito além da hidratação e do sabor único que ela nos oferece. Afinal, a fruta é uma das queridinhas dos brasileiros, justamente por esses motivos. Mas, com a ajuda da nutricionista do Hospital Sírio-Libanês Fernanda Lima também separamos 4 vantagens surpreendentes que a melancia pode nos proporcionar. Confira:

Benefícios da melancia

1. Ajuda a emagrecer

"A melancia é um alimento de baixa densidade calórica, rica em água e fonte micronutrientes, como vitamina A, C, magnésio, fósforo e potássio. Podendo ser uma aliada para compor dietas com restrição calórica. No entanto, vale ressaltar que nenhum alimento isolado tem capacidade de emagrecer ou engordar uma pessoa", comentou Fernanda.

2. Deixa a dieta mais volumosa e saborosa

Dessa forma, a profissional pontuou que uma fatia fina de melancia possui cerca de 100g e apenas 30 kcal. Composição que permite o consumo de até três porções de frutas ao longo do dia.

"Mas o ideal é quando possível variarmos as frutas que ingerimos como forma de nos beneficiar dos diferentes nutrientes que cada uma tem e, também, para termos uma alimentação mais diversa e saborosa", ponderou Lima.

3. Contribui para a melhora da performance nos treinos

Essa fruta pode ser devorada tanto antes quanto durante ou depois do exercício físico. O motivo é que na melancia existe o aminoácido L-citrulina, que é um vasodilatador e propicia o transporte de oxigênio e nutrientes para os músculos.

"Alguns estudos mostram que a l-citrulina pode estar associada a melhora da frequência cardíaca e redução da fadiga muscular em praticantes de atividades físicas. Além disso, por ser rica em água no pós-treino é uma excelente opção para auxiliar na hidratação", detalhou.

4. Melancia ajuda a "desinchar" o corpo

"Nenhum alimento sozinho tem o poder de desinchar a barriga, mas a melancia por ser um alimento composto de 90% de água tem um efeito mais diurético sobre nosso corpo. Vale ressaltar que para evitar o inchaço abdominal é necessário combinar uma hidratação adequada, alimentação a base de alimentos in natura, evitar alimentos ultraprocessados e a prática de atividade física", acrescentou.

Cuidados com o consumo de melancia

Uma curiosidade é a inexistência do melhor horário para o consumo de melancia e, paralelamente, essa nutricionista sugeriu como alternativa de ingestão ao lado de alimentos fontes de fibras ou proteínas para retardar a velocidade de absorção da glicose.

"A relação com alimentos é algo muito individualizado. Algumas pessoas podem sentir desconforto abdominal consumindo melancia após grandes refeições em almoço e jantar. Nesses casos, o ideal seria incluí-la nos lanches", completou.

"Os únicos indivíduos que devem evitar o consumo de melancia são aqueles com síndrome do intestino irritável, que fazem dieta com alimentos com teor reduzido de frutose e de forma a evitar sintomas gastrointestinais. Dessa forma, até mesmo indivíduos diabéticos podem consumir a fruta. Mas sempre se atentando ao tamanho da porção que será consumida", concluiu a nutricionista Fernanda Lima.

Sport Life
Compartilhar
Publicidade
Publicidade