PUBLICIDADE

10 dicas para se exercitar na madrugada

É o conjunto de teses para afastar mitos sobre essa possibilidade

14 jun 2024 - 14h42
(atualizado em 18/6/2024 às 18h06)
Compartilhar
Exibir comentários

A tranquilidade da madrugada atrai muitas pessoas para as academias, o que cria uma nova tendência nos hábitos de treino. Ainda assim, é preciso estar ciente sobre as orientações e nesse sentido o nutrólogo Dr. Ronan Araujo vai transmitir dez dicas para se exercitar na madrugada.

As 10 dicas para se exercitar na madrugada

Dicas para se exercitar na madrugada
Dicas para se exercitar na madrugada
Foto: Shutterstock / Sport Life

Rotina de sono

"Mantenha um horário regular para dormir e acordar. Tente dormir cedo para garantir pelo menos sete a oito horas de sono", aconselhou.

Sonecas estruturadas

"Se possível, tire uma soneca à tarde para compensar o sono perdido durante a noite", sugeriu o especialista.

Ambiente de sono

"Crie um ambiente propício para dormir, mantenha o quarto escuro, silencioso e em uma temperatura confortável", indicou.

Lanche leve

"Consuma um lanche leve que forneça energia sem pesar no estômago. Boas opções incluem uma banana, uma fatia de pão integral com manteiga de amendoim ou um iogurte natural com frutas", comentou.

Evite cafeína

"Embora possa ser tentador consumir cafeína para acordar, pode atrapalhar seu sono posteriormente. Prefira opções naturais e leves", pontuou.

Hidratação

"Beba água suficiente antes e durante o treino para manter-se hidratado. A desidratação pode ser mais comum se você não estiver acostumado a treinar nesse horário", reforçou.

Bebidas eletrolíticas

"Considere consumir bebidas isotônicas para repor eletrólitos, e, especialmente, se o seu treino for de alta intensidade", falou.

Alongamento

"Inclua alongamentos dinâmicos no início e alongamentos estáticos no final do treino para melhorar a flexibilidade e promover a recuperação", salientou.

Refeição pós-treino

"Faça uma refeição equilibrada após o treino, rica em proteínas e carboidratos complexos para ajudar na recuperação muscular", enfatizou.

Feedback corporal

"Preste atenção aos sinais do seu corpo. Se você sentir fadiga excessiva, dores persistentes ou outros sinais de estresse, ajuste sua rotina de sono ou intensidade do treino", concluiu o Dr. Ronan Araujo.

Sport Life
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade