0

Chips da AMD estão expostos a duas variantes da falha de segurança Spectre

12 jan 2018
16h17
  • separator
  • comentários

A Advanced Micro Devices afirmou na quinta-feira que seus microprocessadores são suscetíveis a duas das variantes da falha de segurança Specter, dias após ter dito que o risco de uma delas era "quase zero".

Em uma declaração posterior, a AMD disse que não houve "mudança" na posição sobre a vulnerabilidade de seus chips para a Specter, mas as ações caíram 4 por cento após o primeiro anúncio da AMD.

Na semana passada, pesquisadores de segurança revelaram um conjunto de falhas que podem permitir que hackers roubem informações confidenciais de quase todos os dispositivos informáticos modernos que contêm chips da Intel, da AMD e da ARM Holdings.

Mas os investidores acreditavam que os chips da AMD tinham risco menor do que os da rival Intel.

As ações da AMD subiram quase 20 por cento desde que as falhas foram divulgadas no dia 3 de janeiro, já que os investidores especularam que a empresa poderia ganhar participação de mercado da Intel, que está mais exposta às falhas porque é vulnerável a três variantes.

Às 15h13 (horário de Brasília) os papéis da AMD caíam 1,8 por cento, a 11,92 dólares.

A AMD em 3 de janeiro também disse que seus chips eram vulneráveis a uma variante da falha Specter, mas que tinham "risco quase zero" da segunda, já que a vulnerabilidade à Variant 2 "não foi detectada nos processadores AMD até à data".

No entanto, na declaração de quinta-feira, a empresa disse que a segunda variante da Specter "afeta os processadores AMD" e que lançaria atualizações esta semana para os processadores Ryzen e EPYC, e correções para chips mais antigos nas próximas semanas.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade