5 eventos ao vivo

Trump critica empresas de redes sociais por "silenciar milhões de pessoas"

24 ago 2018
09h25
  • separator
  • comentários

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, criticou nesta sexta-feira as companhias de redes sociais por silenciarem "milhões de pessoas", no que descreveu como um ato de censura.

Presidente dos EUA, Donaldo Trump, durante audiência na Casa Branca, em Washington 23/08/ 2018.  REUTERS/Kevin Lamarque
Presidente dos EUA, Donaldo Trump, durante audiência na Casa Branca, em Washington 23/08/ 2018. REUTERS/Kevin Lamarque
Foto: Reuters

Trump não identificou nenhuma das empresas.

Entretanto, na terça-feira, Facebook, Twitter e Alphabet, empresa controladora do Google, removeram centenas de contas ligadas a uma suposta operação de propaganda iraniana, enquanto o Facebook também derrubou uma segunda campanha que disse ter relação com a Rússia.

"Gigantes das redes sociais estão silenciando milhões de pessoas. Não podemos fazer isso, mesmo que signifique continuar a ouvir notícias falsas, como a CNN, cujos índices têm sofrido gravemente. As pessoas tem que descobrir o que é real e o que não é, sem censura", escreveu Trump em publicação no Twitter.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • comentários
publicidade