PUBLICIDADE

Itália renova recorde de trabalhadores temporários

Contratos precários puxam o crescimento do mercado de trabalho

30 jun 2022 - 09h54
(atualizado às 10h12)
Ver comentários
Publicidade

O número de trabalhadores com contrato temporário na Itália bateu um novo recorde em maio e chegou a 3,17 milhões, maior nível já registrado no país desde o início da série histórica, em 1977.

Protesto de desempregados em Nápoles, sul da Itália
Protesto de desempregados em Nápoles, sul da Itália
Foto: ANSA / Ansa - Brasil

De acordo com o Instituto Nacional de Estatística (Istat), a cifra de temporários teve aumento de 14 mil unidades na comparação com abril passado e de 258 mil em relação a maio de 2021.

Isso representa mais da metade do crescimento no número de pessoas empregadas no país em um ano (+463 mil). Ainda segundo o Istat, a cifra de trabalhadores temporários (+8,8% em relação a maio de 2021) se expande em um ritmo 10 vezes superior à daqueles com contrato fixo (+0,8%).

Já a taxa de desemprego na Itália caiu 0,1 ponto em relação a abril e fechou maio em 8,1%, enquanto entre os jovens de 15 a 24 anos o índice ficou em 20,5% (-2,1 pontos).

Por sua vez, a taxa de ocupação oscilou de 59,9% para 59,8%, enquanto o índice de inatividade na população de 15 a 64 anos subiu 0,2 ponto, alcançando 34,8%.  

Ansa - Brasil   
Publicidade
Publicidade