PUBLICIDADE

Mundo

Hamas solta outros 13 reféns israelenses e 4 tailandeses

Grupo se soma a reféns libertados na sexta como parte de acordo entre Israel e Hamas que também envolve a soltura de palestinos detidos em prisões israelenses.

25 nov 2023 - 18h48
(atualizado às 21h33)
Compartilhar
Exibir comentários
protesto pela soltura de reféns israelenses
protesto pela soltura de reféns israelenses
Foto: Getty / BBC News Brasil

Mais 13 reféns israelenses e quatro tailandeses que estavam sequestrados em Gaza foram entregues pelo Hamas à Cruz Vermelha por volta das 18h deste sábado (25/11) no horário de Brasília - 23h no horário de Israel.

A entrega do grupo foi postergada após desentendimentos entre o Hamas e o governo de Israel sobre os termos da trégua de quatro dias acordada para a soltura de reféns israelenses e de palestinos presos em Israel.

O desentendimento foi resolvido com a mediação do Egito e do Catar.

Também como parte do acordo, Israel libertou mais palestinos que estavam em prisões do país.

Seis mulheres estão entre as pessoas que se acredita terem sido libertadas; o restante do grupo tem menos de 18 anos. Israel detém frequentemente palestinos por período indefinido e sem acusação.

Imagens de TV mostraram um ônibus transportando os prisioneiros na cidade de Beitunia, na Cisjordânia, entre multidões em comemoração. Enquanto isso, vários prisioneiros libertados teriam chegado a Jerusalém, segundo relatos da imprensa local.

Na sexta-feira, o Hamas soltou 13 reféns israelenses, dez cidadãos tailandeses e um filipino, e Israel libertou 39 palestinos.

O gabinete do primeiro-ministro israelense publicou os nomes dos 13 reféns israelenses libertados pelo Hamas neste sáabado.

Num comunicado, o gabinete diz que "o governo israelense abraça os 17 raptados que regressaram a Israel, 13 dos nossos cidadãos e quatro cidadãos tailandeses que regressaram hoje a Israel".

"O governo israelense está empenhado no regresso de todos os raptados e pessoas desaparecidas."

Os últimos reféns libertados pelo Hamas são:

A família Haran/Shoham: Shoshan Haran (67 anos), Adi (38), Nave (8), Yahal (3)

Família Or: Noam (16) e Alma (13)

Família Weiss: Shiri (53) e Noga (18)

Família Avigdori: Sharon (52) e Noam (12)

Outros: Hila Rotem Shoshani (12), Emily Hand (9), Maya Regev (21)

As identidades dos estrangeiros tailandeses que também foram libertados ainda não são conhecidas.

Emily Hand foi uma das reféns soltas neste sábado
Emily Hand foi uma das reféns soltas neste sábado
Foto: Arquivo familiar / BBC News Brasil

Menina libertada

Uma das reféns libertadas neste sábado foi Emily Hand, de 9 anos.

A menina irlandesa-israelense foi capturada sem nenhum membro de sua família com ela.

Seu pai, Thomas Hand, deu uma entrevista coletiva em Londres na última segunda-feira. Ele soluçou ao dizer que tinha certeza de que sua filha perguntaria todos os dias: "Onde está meu pai, por que ele não veio me salvar?"

Thomas não desistiu de sua campanha, voando ao redor do mundo com a mensagem de que Emily deveria ser libertada. Ele chegou a ser informado de que ela havia sido morta. Mas depois lhe disseram que ela estava como refém, e ele disse que recuperá-la se tornara sua razão de viver.

Ela completou nove anos enquanto estava detida pelo Hamas, e agora finalmente poderá comemorar seu aniversário com o pai.

Ele disse que levaria muito tempo para consertar o trauma mental que sua filha sofreu.

BBC News Brasil BBC News Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da BBC News Brasil.
Compartilhar
Publicidade
Publicidade