2 eventos ao vivo

Padilha pede direito de resposta contra campanha de Alckmin

3 out 2014
22h45
  • separator
  • 0
  • comentários

A Coligação “Para Mudar de Verdade” (PT, PR e PC do B), do candidato ao governo do Estado de São Paulo Alexandre Padilha, entrará no Tribunal Regional Eleitoral com ação de representação eleitoral por desvirtuamento do exercício do direito de resposta veiculado na noite de quinta-feira, minutos antes do debate presidencial, pela coligação “Aqui é São Paulo”, do candidato Geraldo Alckmin (PSDB).

Segundo avaliação da área jurídica da campanha de Padilha, o conteúdo veiculado no direito de resposta do candidato tucano teve caráter “abusivo e deturpado”. A peça da campanha de Alckmin não teria se limitado a dar sua versão sobre os fatos, conforme autorizado pela Justiça Eleitoral. No lugar disso, a campanha de Alckmin teria ofendido o candidato Padilha e feito propaganda negativa, baseada em mentiras, contra a campanha do petista. 

A campanha de Padilha entrará com a representação até as 10h desta sábado solicitando o mesmo tempo de direito de resposta (1 minuto), na mesma emissora (Rede Globo) e no mesmo horário (22h40).

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade