0

Ciro deseja sorte a Bolsonaro e diz que haverá oposição

Terceiro colocado nas eleições, o pedetista teve atuação tímida no segundo turno

29 out 2018
14h08
atualizado às 14h44
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Em uma nota intitulada "Meu pensar sobre 2018", o candidato do PDT ao Planalto no primeiro turno da eleição, Ciro Gomes, desejou boa sorte a Jair Bolsonaro e disse que o presidente eleito enfrentará todos aqueles que se declararam oposição.

"Que não pense o senhor presidente eleito, nem de longe, em violar o respeito que deve ao conjunto da nação, independentemente de configurarem minorias ou grupos sociais críticos às suas posturas. Só assim merecerá o respeito à autoridade que adquiriu nas eleições", diz a nota de Ciro, reforçando que Bolsonaro "enfrentará a todos nós que lhe movemos oposição dentro do marco da decência e do espírito público."

O candidato derrotado do PDT à Presidência, Ciro Gomes, em um ato de sua campanha em São Paulo
O candidato derrotado do PDT à Presidência, Ciro Gomes, em um ato de sua campanha em São Paulo
Foto: Nacho Doce / Reuters

O pedetista reconheceu a vitória eleitoral e ainda fez um comentário sobre a oposição que surgirá no próximo governo. "Essa oposição que nasce não se confunde com forças que só defendem a democracia ao sabor de seus interesses mesquinhos ou crescentemente inescrupulosos ou mesmo despudoradamente criminosos", escreveu Ciro, que evitou declarar apoio explícito a Fernando Haddad (PT) no segundo turno.

Confira a nota de Ciro Gomes

Veja também

KUPFER: Copom depois da eleição

 

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade